Carta para a Sogra

Cerca de 15 carta para a Sogra

CARTA PARA MINHA FUTURA SOGRA

Querida e amável progenitora do meu amor.

Meu amor por seu filho chegou a tal ponto que eu, sua querida e tão amável nora resolveu escrever essa tal carta. Não que escrever seja chato, mas, escrevê-la para ti é aterrorizador.
Nós noras, queridas e amáveis sempre temos medo do mais improvável amor, amor da mãe do namorado. Mas olha bem, Sou diferente e para demonstrar tal carinho e admiração pela senhora( não sei se gosta que a chame assim, mas meus pais me ensinaram que devo chamar todas pessoas mais velhas que eu de senhor/senhora) vou cobri-la de elogios.
Que doçura, inteligência e perspicácia. Seu filho deve ter puxado teu amor incondicional e sua inteligência, e com certeza esse sorriso lindo que coloca no rosto mesmo quando triste.
Não entendo o porquê de tanta rivalidade entre nossa espécie. Não quero competir com teu amor. Jamais competiria, já que no mundo foi a razão da vinda do amor mais precioso: seu filho.
Só queria te dizer que foi abençoada por Deus por trazê-lo a mim. Que missão divina. E sei que quando ele nasceu foi uma festa. Deve ter sido cansativo os noves meses, ter engordado alguns quilos, inchado os pés, vermelhidão no nariz e de mulher para mulher aquelas estriasinhas e celulites(que isso sim são o terror).

Mas sei que quando ele nasceu você chorou. E eu ainda sogra, não sei o que é amar um filho, ainda não tenho. E quando eu e seu filho tivermos os nossos saberei que seu amor por ele é absoluto e supremo.
Não tirarei sua razão de tentar nos corrigir a cada falha nossa, porque sei que foi difícil levar a escola, educar e mostrar o quão terrível o mundo é.
Sei que talvez não foi uma criança tão fácil ou parecida com as outras. Crianças tem seus defeitos e sei que a correção era sempre com amor, ou talvez com severidade uma severidade amorosa.

Bem, muita coisa aconteceu. E sei que seus conselhos foram supremos, e um deles foi para se relacionar com uma boa pessoa e seguir seu coração.
E aqui entra EU, eu que cheguei agora, e ainda me pergunto por que ele se apaixonou por mim.
Lembra aquele conselho que deu que merecia alguém parecida com ele, acho que nem tudo vai se encaixar. Me pergunto sempre o que o fez gostar de mim, com uma mãe tão incrível, ele deve ter comparado nossos sorrisos. Estou desconfiada disso.
Mas deixemos de blá blá blá e falemos o que interessa. Eu talvez não seja a nora que pediu pra Deus. Tenho uns defeitinhos de fábrica, o tempero da comida é uma questão. Não possuo o dom divinal de tão delicadas mãos, e desejo que seu filho aprecie da mesma forma a nossa diversidade gastronômica. Mas pensa bem, quando tiver a tua idade quem sabe ficarei a páreo.

Olha, eu sou um bom partido também, sei que o mima com muito amor. Mas como tivemos uma educação de pura bondade seremos perfeito um ao outro. Mamãe diz que sou inteligente, bonita, talentosa, criativa e todos atributos que diz que seu filho tem. E, como mães não mentem, olha só: somos tão perfeitos um para o outro que somos iguais.
Pode deixar sogrinha que eu o mimarei na mesma quantidade, muito amor. Só não sei se terei a mesma paciência quando deixar os sapatos na sala, e a toalha em cima da cama. Ou procrastinar a instalação da lâmpada e do chuveiro por meses.

E nem sempre sogra amada, irei consentir com os erros do seu filho, estarei ao lado dele em todos os momentos o ajudando sempre, nem que pra isso discutamos nossa relação para que cada dia fique melhor e harmoniosa. Porque depois sempre terão beijos e outras coisas que não falarei por zelar da boa imagem, e muito carinho. Tudo ficará melhor depois disso.
Não precisa se preocupar comigo, não tirarei seu lugar e nem você o meu! Que maravilha, assim dividiremos inteiramente o coração dele de formas diferentes.

Sei que se preocupará quando ele estiver doente, mas olha que perfeito nem precisa se preocupar com chás, nasci com dom de cuidar, sei levar ao médico dar remédios e cuidar com amor. Nem precisa ficar cobrando tanto, ainda bem porque assim ficará mais relaxada e descansará melhor sua beleza.

Teu filho será sempre seu, e eu tentarei que ele seja meu pra sempre. Só peço que nos ajude e não nos separe.
Eu também sou uma boa filha, podemos conversar por horas, falarmos de roupas, futilidades, lugares, comidas e tudo que há de bom na vida. E olha bem, não tiro seu filho da sua vida e você me adota como sua filha. Pronto! Família feliz.

Eu serei grata pra sempre se tudo caminhar assim, lindas e amáveis. E que meus filhos, seus futuros netos tenham a mesma admiração que eu e seu filho temos pela senhora.

Com amor de sua ETERNA e amável nora♥

Andressa Feitosa

Eu os conheço há mais de 10 anos; Desde o dia seguinte em que fiquei com o Paulo e ele me convidou para ir à sua casa, porque lá não teria ninguém...
Meia hora depois que cheguei, a porta de vai-e-vém da sala abriu uma... duas... três... quatro... cinco vezes!!!
Foi assim, no maior susto, que conheci logo de cara a família inteira, que resolveu voltar mais cedo do rancho!
Hoje meu sogro e minha sogra completam 35 anos de casados.
Convivendo junto pude comprovar que eles encontram a felicidade vivendo de maneira muito simples.
Nunca os vi falando alto um com outro, reclamando um do outro, discutindo ou se desrespeitando. Pelo contrário, o tempo todo vejo que ela faz tudo para agradá-lo, tratando-o com imenso amor, carinho, atenção e solicitude...
Já ele, mesmo sendo uma pessoa reservada e de poucas palavras, se preocupa muito, a quer sempre por perto, (e agora a parte mais bonita): já o vi emocionado duas vezes por causa dela!
Eles se amam do jeito deles. São um casal de uma afeição e um respeito mútuo admiráveis. Percebo que eles tentam viver de forma que um tenha a certeza de que o outro está sempre bem, sem fazer coisas que desagradem ou que causem chateação.
Juntos eles construíram uma família sólida e feliz! Um belíssimo exemplo a ser seguido.
Me sinto abençoada por pertencer a uma família tão exemplar, adorável e discreta, que pouco fala e nunca se intromete na vida de ninguém.
Uma família que vive em harmonia e sabe o verdadeiro significado da palavra paz.
Parabéns, Maria Helena e Rubinho!
Muitas alegrias ainda virão! Quero fazer parte de todas elas.

Marilia Lago

O MÁGICO
Sidney Santos

Dei nó em pingo d’água
Peguei o vento na mão
Diminuí a língua de sogra
Fiz bolhas de pedra sabão

A ilha mudei pra lago
Do círculo fiz dois quadrados
Depois de todo esse estrago
Um cubo com cinco lados

Em toda essa ousadia
Não encontrei valor
Minha maior magia
Foi ganhar seu amor

Santos, ago 2008

Sidney Poeta Dos Sonhos

Hoje, lembrei de quando estava grávida da Gigi...

Certo dia, na casa da minha sogra, fui pegar água no filtro.

Ele fica bem a CONGRUÊNCIA da pia com o balcão, lá no ângulo mesmo, enfurnado. E foi a primeira vez que ela me deixou só em casa, porque tinha ido aos Correios. Eu, grávida de 8 meses, 16 kg mais gorda.

Alcancei o filtro com muito sufoco e, de repente, o registro saiu na minha mão! E era água pra tudo que é lado.

Eu, sem saber o que fazer, primeiro tentei carregar baldes e bacias com água, pra fora (burra que só, porque só me cansei). Daí, desisti e sentei no chão e comecei chorar enquanto ligava pra minha sogra.

Eu:
- "Vilma, estourou..."

E, entre choros e soluços, ela me interrompe e começa a gritar:
- "Estourou a bolsa? Calma, tô indo!"

Eu:
- "Não, Vi, estourou..."

E não conseguia dizer que o que tinha estourado era o registro.

Nisso, SEM ESCLARECER, ela ligou pro Lu, que saiu do serviço na hora e, ao chegarem, aquela augaceira e eu chorando, encostada na pia, jogada no chão o que reforçou pra eles que a bolsa havia estourado.

Quando o Lu falou:
- "Calma, more, vamos pra hospital, vai dar tudo certo! Estou aqui com você!"

Só aí que fui perceber o que é que eles haviam entendido e, em meio à choros, soluços e, agora, muitos risos, gritei que o que havia estourado era só a torneira do filtro e que só era necessário fechar o registro.

Foi hilário e INESQUECÍVEL, esse dia!

Thatu Nunes (DraDoAmor)

29 Saíram da sinagoga e foram logo para a casa de Simão e André, junto com Tiago e João. 30 A sogra de Simão estava de cama, com febre, e logo eles contaram isso a Jesus. 31 Jesus foi aonde ela estava, segurou sua mão e ajudou-a a se levantar. Então a febre deixou a mulher, e ela começou a servi-los.

32 À tarde, depois do pôr-do-sol, levavam a Jesus todos os doentes e os que estavam possuídos pelo demônio. 33 A cidade inteira se reuniu na frente da casa. 34 Jesus curou muitas pessoas de vários tipos de doença e expulsou muitos demônios. Os demônios sabiam quem era Jesus, e por isso Jesus não deixava que eles falassem.

/Para os antigos, a febre era de origem demoníaca. Libertos do demônio, os homens podem levantar-se e pôr-se a serviço. Os demônios reconhecem quem é Jesus, porque sentem que a palavra e ação dele ameaça o domínio que eles têm sobre o homem./

Marcos 1, 29-34

Sabe aquela história que todo mundo sempre vive repetindo: você vai odiar sua sogra e ela mais ainda você.
Desculpa sociedade, mas, a mãe dele me ama mais do que ele; ela leva a maior fé de que o filho dela me queira.
E sinceramente a fé dela passa pra mim e eu também acredito nisso, naquilo, em tanta coisa sabe.

Luiza Neves

Aqui eu poderia dizer que sou um doce de menina, sendo a nora que toda Sogra quer ter, ou posso ser toda grossa falando que não tenho que agradar ninguém, que adiciono quem eu quero e coisinhas desse tipo. Mas o Quem Sou Eu do Orkut é tão insignificante que as pessoas escrevem coisas do tipo ; "Descubra","Quem sabe,sabe", "Deixo isso p/ os meus amigos".
Logo, eu escrevo que a vida é passageira, os amigos são pra sempre, namorados vão e vem, e não podemos deixar a vida passar em branco e temos que colori-la com tudo que temos!
Façam suas escolhas lápis de cor, canetinha, tinta ou giz de cera. Mas nunca deixe em branco, pinte e faça um desenho muito bonito, para depois ser exposto para os outros e é claro aplaudido por eles.
Aproveite!

J.Marchandt

SAINDO DO SÉRIO
Sidney Santos

Sonhar com rei dá leão.
Pensar na sogra vem cobra.
Homem vaidoso, pavão.
Encontro com gêmeos, dá dobra.

Jovem bonito, veado.
Sujeira, do porco o pecado.
Devaneio segue adiante
Pessoa gorda, elefante.

De galho em galho, macaco.
Não é esse meu fraco.
Braços abertos, o urso.
E o sonho segue seu curso.

Águia, vôo rasante.
Coelho rápido é lógico.
Faltou verso num instante
Pra zebra do zoológico.

E assim o sonho termina
Voltando à realidade.
E feliz o poeta que rima
Não só a dor e saudade.

Sidney Poeta Dos Sonhos

A Cura da Sogra de Pedro – Mateus 8.14,15

“14 Ora, tendo Jesus entrado na casa de Pedro, viu a sogra deste de cama; e com febre.
15 E tocou-lhe a mão, e a febre a deixou; então ela se levantou, e o servia.” (Mateus 8.14,15)

Nós temos aqui o relato da cura da sogra de Pedro.
Ela estava com febre, e geralmente febres são apenas sintomas de algum mal que esteja acometendo o nosso organismo, geralmente infecções.
Então, ao fazer cessar a febre, Jesus curou a enfermidade que estava dando causa à mesma.
A sogra de Pedro encontrava-se acamada na casa do apóstolo, e tão logo foi curada por Jesus, levantou-se e O servia.
A saúde que o Senhor nos concede é para servi-lO.
Por isso não deveríamos nos entristecer somente pela enfermidade propriamente dita, mas pelo fato de nos impossibilitar de nos dar continuidade ao nosso serviço para Cristo.
Um simples toque de Jesus na mão da sogra de Pedro a curou.
O poder de cura atravessou todo o seu corpo e atingiu a parte que estava abrigando a doença, porque não é de se supor que fosse qualquer problema em sua mão que estivesse dando ocasião à febre.
Disto aprendemos, que não há necessidade, como muitos imaginam, que toquemos na parte do corpo em que esteja supostamente localizada a enfermidade, para que uma pessoa seja curada, quando oramos por ela.

Silvio Dutra

Eu sei amor, eu sei


Eu sei que a tua sogra não é das mais certas, que o meu irmão adora um baseado e que eu carrego o sobrenome de carência. Já tentei trocar, eu juro! Mas a mulher do cartório falou que eu precisava de uma justificativa coerente. Falei pra ela que eu não era inteiro longe de ti. Ela disse que ninguém morre colado.

Não quero mais continuar sozinho. As trilhas são cansativas quando não temos ninguém para contemplar a natureza. As viagens são chatas quando não temos alguém sempre disponível para tirar as nossas fotos. Os meus amigos são uns filhinhos do conforto. Tu sabes disso. Não consigo imaginá-los em volta de uma fogueira tocando violão e assando marshmallow. Seria mais certo eu ver algum deles buscando sinal em cima de um morro para fazer check-in em uma de suas redes sociais. Distante de ti eu sou um gomo sem suco, um pão sem manteiga, uma Coca-Cola sem gás, um Big Mac sem a carne. Sei que há felicidade separados, só é mais difícil de mantê-la.

Já liguei pro meu chefe dizendo que eu não vou amanhã e que talvez eu não dê as caras nesta semana. Minha mãe me pagou aquele dinheiro que ela me devia. Pelas minhas contas, juntando com o meu porquinho, a gente consegue fugir por uns dias por aí. Tem um busão barato até Porto Alegre. Tem uma alegria no lado de fora desta cidade. A gente pega uma carona por lá, diz que vai tentar a sorte na cidade grande e tratamos de nos amarmos lá mesmo. Um amigo meu que mora no Rio tem um fusca. Já que tu não tens mais o teu, a gente mata a saudade do cascudinho dando umas bandas pela cidade maravilhosa. Só terás que superar a cor: ela é vermelha. Cor do Inter, da paixão, do nosso amor. Mas tu superas, né?

Diz que sim, vai. Guarda um dos teus nãos dentro daquela mochila em que tu carregas a casa nos ombros. Deixa para negar somente a presença da solidão quando um dia ela aparecer. A gente deita à noite na beira da praia para contar as estrelas. Faço do teu peito um travesseiro e da tua boca o meu êxtase. A gente fica ali se amando, sem pressa de ver o sol nos dando bom dia. Agradecendo baixinho à felicidade, com medo de acordar a inveja. Satisfeitos por nada ter dado certo antes.

Guilherme Pintto

Minha solidão é na verdade minha única esposa
Com a sogra chamada culpa
E o sogro de vulgo nome "Até que a morte os separe!"
Os dias são ligeiros espasmos luminosos que me assustam ao piscar dos olhos quando acordo.
As noite essas sim!
Essas são minhas irmãs...
Escuras e frias.
As vezes esquenta quando mergulho minha vida nas mais mórbida promiscuidade humana
Me entorpercendo e me tirando da realidade.
Mas quando passa os efeitos,
Mergulho em meu mar
De culpa e até que a morte nos separe.
Esposa solidão...

Rafael rodrigues

Minha sogra já estava buzinando no meu prédio, eu estava com um vestido rendado e de manga comprida azul e com um sapato e bolsa pretos. Nós íamos visitar as boutiques mais chiques da cidade pra escolher meu vestido de noiva e logo depois passar na igreja para acertar alguns últimos detalhes.
Ela estava maravilhosa, apesar de ter 54 anos ela aparenta ter 34, tem um cabelo curto loiro e usava um macacão node, uma carteira node e um sapato azul turquesa. Assim que ela me pegou em casa passamos na casa da minha mãe, que por sua vez, prefere vestir calça pantalona e blusa de ceda com bolsa absurdamente grande.
- Então, qual boutique vamos primeiro? - Perguntou Ises (Minha sogra)
- Olha, eu adoro aquela do Dorsana! - Respondeu rápido a minha mãe (Marina)
- Mas é lógico que a Jacobs é muito melhor que a Dorsana! - Ises e minha mãe se adoram mas vivem em uma constante guerra quando o assunto é o meu casamento!
- Não, não é! Só é mais famosinha. - Minha mãe olhou séria.
- Tive uma ídeia. Podemos ir a Jacobs, Dorsana. Mas antes quero dar um pulo na Sohamerik!
- Perfeito - As duas entraram em acordo.

Não precisamos nem olhar muito, achei um perfeito. Feito pra mim. Ele era rendado e simples, mas não deixava de ser chique!

Mstt

Sogra...

O que é uma sogra...

Existem aquelas mulheres que amam seus filhos, ama mais do que a si mesmo...
Essas mães, tornarão suas noras uma filha... Pq amor gera amor...

Existem porém, aquelas mulheres infelizes, que nunca se sentiu amada por seus maridos, que tem a auto estima baixa... Essas tornarão suas noras uma rival, principalmente se seus filhos forem bons maridos... Essas terão inveja da forma que a outra mulher, teve a sorte de ser feliz, e aí que age a "INVEJA"... Elas não têm ciúmes dos filhos, mas inveja da felicidade daquela mulher nova, que a faz sentir ainda mais inútil..

"Amor gera amor, o que gera ódio é a INVEJA"

Rizza de Morais

Estes dias de carnaval: Sexta churrasco na casa da sogra... Sábado: dia de tensão... resolver problemas e aguardar respostas para uma grandeconquista, nosa casinha linda... domingo dormir ate tarde, meu amor foi trabalhar e eu fiqueo com preguiça em casa, depois fui pra festinha da sininho rsrs... voltei e fiquei conversando até o marido chegar... Na Segunda, dormir ate tarde e ir almoçar com os amigos... chegamos e ficamos brincando de lutinha... rsrs maridinho alteradinho da bebida.... comemos pizza, assistimos e dormimos.. Segunda, rsr acordamos tarde, fomos almoçar com minha mamis, e meu maridinho foi trabalhar, e eu fiqueiorganizando a casa e mmorgando em frente a TV... semana cheia de promessas...

Fernanda

Eu pensei que era mito essa coisa de sogra, mas a lógica é sogras boas são exceções e sogras más são regras. Acontece que todas as sogras naturalmente são mães e como mães se sentem no direito de eleger a melhor nora do mundo para os seus filhos e acredite, você nunca será boa o bastante. Mesmo que ambos trabalhem 8 horas ou mais as sogras sempre acham que é a sua obrigação lavar, passar, cozinhar, massagear, estar linda e satisfazer seus filhos. Os bonitos não precisam colaborar ou dividir tarefas non gratas porque são os filhinhos da mamãe e se você não se dispor a tudo isso, você minha cara, não serve para o título de esposa. De nada adianta ter ficado noites sem dormir para passar à época no melhor concurso da sua cidade, de nada adianta se afundar nos livros para ter mestrado e doutorado, de nada adianta pagar as contas divididas e quiçá contribuir com a maior parte. Não! Você tem que ser a super mulher, a lavadeira, passadeira, antenada, mãe, babá, você tem que lembrar onde está o crachá dele, se você viu a carteira, se sabe onde ele botou os chinelos. Além do mais ela quer frequentar a sua casa diariamente se você não se incomodar, quer abrir armários e gavetas, quer saber se o filhinho passa bem ao lado da esposa, quer saber se o casal anda bem financeiramente e sexualmente, quer ser amiga íntima do filho e quer ainda que o filho lhe conte e lhe pergunte opinião sobre a adoção de um cachorro, a nova cor da pintura da casa, se o neném vai para creche ou casa da vovó. E por fim ela acha a ex-namorada dele o máximo, isso agora que ele está com você, ela virou santa, mas na época que os dois namoravam era o mesmo dilema. Se a sua mãe é assim, dê um chega pra lá nela, diga que você já cresceu, que agradece a preocupação, que é dono do seu nariz e que vai conduzir seu casamento da forma que achar melhor. Se a sua sogra é assim, peça que seu maridex dê um freio nela e explique os mesmos argumentos supracitados. Uma boa maneira de cada um ficar no seu quadrado é não depender financeiramente da sogra/mãe, se eu ajudo/pago me sinto na obrigação de me meter.

Arcise Câmara