Carta de Saudade

Cerca de 3898 carta de Saudade

COMPANHEIRA DA SAUDADE

Saudade só me acompanha
Por que eu ando sozinha
E nesta estrada estranha
Ninguém passa em meu caminho
Ouço apenas um cantar
De um lindo sabiá...

Mando a saudade embora
Mas ela teima em ficar
O relógio bate as horas
Da noite que vai chegar
Só dormindo um pouquinho
E ainda sonhar contigo
Para a saudade passar...
Se existe eis esposa
Também tem o eis marido
Se existe eis amor
Deve ter o eis amigo
Só não tem a eis saudade
Porque toda vez que acordo
Ela esta junto comigo.

Ducarmo de Assis(Carminha)

que saudade de vc
que vontade de ver
te abraçar e sentir o teu calor
de ouvir a tua voz
de ficar contigo a sós
nos trancar,te despir,fazer amor.....
até o sol raiar
até o sol nascer
e vai chover cinco dias sem parar
e vai passa furação em nossa cama
e vai chover cinco dias sem parar e nem assim vai apagar a nossa chama.......................

apaixonada

Falando de saudade...

Quando a saudade me visita
Traz com ela a recordação
O pensamento segue viagem
Embarcando ma imaginação
Saudade dor que me castiga
Saudade que também obriga
Lembrar de uma doce ilusão

Carrego em mim uma saudade
Que o tempo não quer apagar
Saudades de um belo sorriso
Que acordado me faz sonhar
Prefiro não falar o nome dela
Quando estou pensando nela
Eu sinto o seu perfume no ar

Se você também sentir saudade
Com a ausência de um alguém
Busque inspiração faça poemas
Pois saudades todo mundo tem
Hoje vinhe falar de uma saudade
Pra dizer que essa sua amizade
É algo que sempre me faz bem...

Dany Rcs

O Bandolim

Cantas, soluças, bandolim do Fado
E de Saudade o peito meu transbordas;
Choras, e eu julgo que nas tuas cordas,
Choram todas as cordas do Passado!

Guardas a alma talvez d’um desgraçado,
Um dia morto da Ilusão às bordas,
Tanto que cantas, e ilusões acordas,
Tanto que gemes, bandolim do Fado.

Quando alta noite, a lua é fria e calma,
Teu canto, vindo de profundas fráguas,
É como as nênias do Coveiro d’alma!

Tudo eterizas num coral de endeixas…
E vais aos poucos soluçando mágoas,
E vais aos poucos soluçando queixas!

Augusto dos Anjos

Sou o poeta que teve as mãos e a lingua amputadas,
pela saudade que sinto de você, agora em minhas poesias,
o silêncio é quem fala por mim, então daqui pra frente,
só peço por favor que coloque suas palavras em minha boca,
e suas mão em minhas poesias, e em meu coração,
para calar o silêncio que está me aprisionando.
E depois, você não prescisará das palavras,
para saber o que está escrito em meu coração...
EU TE AMO.

Johnatan Oliveira Wanderley Santos

Não foi não era pra ser!


A tempestade traz
O silêncio e a frieza
Da saudade,
Mas as lágrimas da
Solidão ainda vem
Para me avisar,
De que hoje estou só
E que ela não
Não irá mais voltar.

Algo perdido quase esquecido
Pelo sofrimento e pela angustia
Que é uma paixão que veio
Sem ser convidada e se
Foi sem se despedir,
Apenas deixando cicatrizes
De um amor não
Correspondido e perdido
Diante de mágoas
Alimentadas pela tristeza.

Não foi não era pra ser!

Caio Vinícius Bordo

SAUDADE...

Palavra que traz em si um sinônimo de tristeza, dor, solidão...
Pode ser da infância, da adolescência, da juventude...
Pode ser de alguém que embarcou no trem da morte e que jamais voltará...
Pode ser de alguém que passou por nossas vidas e mudou de endereço, foi para longe, muito longe...
Ou então de alguém que deixou sua marca, seja como um amigo ou um amor perdido, que foi tão importante deixando apenas o vazio de sua ausência.
Como é triste esse sentimento!
Como dói o vazio, a tristeza de saber que algo que foi tão bom, uma época tão feliz, passou, se foi e algumas vezes para sempre!
Tudo o que é bom, um dia se acaba, se vai e nem sempre volta, mas isso faz parte da vida, sofrer faz parte da vida, sentir saudade faz parte da vida...
O que alivia essa dor, é saber que, só sente saudade aquele que um dia foi feliz, mesmo que tenha sido por um momento.

Simone Brantes

Meu nome é...

Oi! Prazer, meu nome é saudade.
E Assim como o Amor, eu chego sem pedir
Permissão. Não me importo em sair pela
Sua porta e deixar você a chorar de tristeza
Ou de felicidade.
Prazer, essa sou eu : Dura e cruel,doce e intensa!
Eu não ligo se você me deixa entrar ou não,
Eu simplesmente te invado e não quero saber!
Não me importa para mim onde você esteja,
Eu simplesmente te enlouqueço em qualquer
Sentido em que em sua cabeça vier.
Sou boa e sou muito maldosa.
Isso (não) depende de você.

Yasmine Camargo

Saudade me cega, me prende a um passado bom,
me prende a pessoas boas, que passaram, me
limitam a pensar que algo possa ser melhor,
como um dia foi tão encantador ....
Se meus olhos não pudessem ver você partir
sem mesmo olhar para trás, se meus ouvidos não
ousassem a ouvir as palavras de despedida que nunca foram
ditas, talvez um dia pudesse tentar ser feliz de novo, mas
quando recordo que tenho uma vida inteira pela frente,
também lembro que você foi minha vida, e agora
não passa de saudade que me cega ...

Ricardo Sales

À quem espera o seu amor

Distância poderia ser sinônimo de saudade se não fosse o fato de sentirmos saudades de quem está bem pertinho de nós e não sentirmos daqueles que estão distantes.

Às vezes sentimos falta até de quem nunca esteve conosco.

Ela é antítese, paradoxo, contradição, sinestesia, tudo ao mesmo tempo.

É verdade que nos ensina, enriquece valores, desvenda amores e nos torna mais pacientes.

É magia branca e negra. Branca quando valentes, dispostos a suportar toda a dor que ela trás, em razão do mais sublime sentimento. Negra quando a tomam como fardo, se esquece o propósito e o sentimento desvanece toda a esperança.

Os olhos que choram de saudades são os mesmos que anseiam a primeira ou mais uma troca de olhares.

As palavras que não se ouve ao pé do ouvido dão voz as mais belas provas de amor.

A ausência do toque aflora todos os sentidos.

Descobre-se que a carência não é a falta da carne, é saudades de espírito.

As lembranças que trazem nostalgia são as mesmas que aproximam as pessoas separadas pelo tempo.

Tempo é outro fator importante.

Quem ama tem pressa.

Quem souber esperar viverá o amor e descobrirá que ele supera toda a distância.

Natanna Xavier

Descoberto



Sinto falta de uma paz distante, uma saudade que me consome incessantemente, me devora num silêncio vazio.
Tudo que eu precisara eu já o tinha, o que me faltou foi a sabedoria para ver isso. Tanto tempo procurando algo que já fazia parte de mim mesmo, mas ainda assim, sinto que não faço parte desse lugar. Não me recordo como vim parar aqui, mas sei que o meu tempo é curto. E sei que breve voltarei ao meu lugar de origem, isso me causa um medo em meio à paz. Retornarei a essência da pureza perfeita sem incógnitas.
Abrirei meus olhos uma única vez e os sonhos irão se esvair por entre meu ser, e as cortinas então lentamente se fecharão...

Tiago Dutra

O excesso contradiz!

A saudade aperta o coração,
mas é bom...
quando o ser humano fica junto se satura e aflora os defeitos.
Quando a saudade faz morada, nos faz lembrar,
perceber e dar valor no que há de bom no outro... porém nada, nem mesmo o amor é bom em excesso.
Sempre lembrando:
O que nos apaixona são os defeitos, com cobertura de carinho!

Bruno Cavalcante

POR RESPOSTAS

Porque você me deixou tão de repente?
E a saudade me consome lentamente
E você se foi
Agora estou aqui perdida
Sem você ao meu lado
E eu queria
Como eu queria ter você outra vez nos meus braços
Sem você tudo fica em tons sombrios de cinza
Sem sua voz as canções não são mais as mesmas
E não passam de ecos repetindo a mesma historia

Porque você não esperou pelo abraço?
E não quis ver de novo o por do sol?
Porque você se foi tão de repente
Meu amor
Eu iria cantar uma canção para você
Ia te dar os versos mais bonitos
Mas
Você se foi...
Sem ao menos se despedir de mim!

Porque você não volta aqui?
Queria saber onde você está
E se teus olhos ainda brilham ao me encontrar
Eu queria teu abraço
Teu carinho
Queria que você estivesse aqui
Para que pudéssemos sentar na beira da estrada e contar estrelas
Ou brincar de roda nas noites frias...

E porque você se foi
Diz-me apenas
Porque não quis mais ficar aqui?

Escrito em 17/04/2010

Marcela Melo

SEGUE A VIDA..., A POESIA.

As horas gravadas em fotos na memória brindam uma eterna saudade, cada tempo uma paixão de uma vida inteira, um álbum, como que parecendo inacabado. São lágrimas e soluços que os minutos gravam como pecado, sorrisos e loucuras como a devassidão de um sonho interminável. Um filme dirigido pelo instinto, na trama, amor é ódio. Cada pessoa uma história, uma fita, mesmos ingredientes, mesmo final, a morte. A história conta o segredo que virou mito. Na imaginação de poucos a verdade repassada a multidão, uma mentira que ficou na lápide como a maior das verdades humanas, a eternidade que regula a vida. Em todo o passo, de todo o conto, de toda a história, segue firme a sensível veia da emoção no exagero lírico da poesia, as letras convertidas em versos de encantos, enquanto corações desavisados correm mundos a espera da perfeição de um poema lhe dedicado por inteiro. É a vida que segue imune as incomensuráveis e fantásticas previsões, os bruxos e videntes na derrocada humana, toda uma ficção para que a rotina não esmoreça a legítima esperança de alguns momentos de plena felicidade. Segue a vida, complicada como construímos, mas simples como foi desde sua essência, segue rumo ao medo comum, nossa última e real dúvida, o que somos e o que seremos após a poesia declamada.

José Carlos Cavalcante

Saudades
Os dias se passam e a saudade só aumenta,
Como pode meu nego, sentir tanta a tua falta,
Algo inerente a minha vontade,
Agora queria que estivesse aqui comigo,
Quero tanto sentir o calor de seus braços,
Sentir seu cheiro e olhar nos seus olhos,
Quero mergulhar em seu olhar que penetra em minha alma,
Você me enfentiça cada dia mais,
Seus carinhos me fazem delirar,
Sua atenção me encanta a cada momento,
Seus beijos me fazem querer que o tempo parasse,
Sempre desejo estar ao seu lado,
Sentir você comigo, sentir a segurança que por vezes me falta,
A seu lado sinto a felicidade me envolver,
Faz com que eu sempre me sinta melhor,
Até mesmo só de conversar contigo eu me sinto bem,
Por vezes me pego pensando em ti,
O que sinto, vai além da paixão,
É algo que com palavras não sou capaz de explicar,
Prefiro demonstrar com meus gestos,
Quero ficar contigo sempre, não importa o que aconteça,
Sempre tendo o seu carinho e sua atenção,
Você pode pensar que tenho dúvidas do que sinto por ti,
Mas pode ter certeza que eu sei muito bem,
Eu sou complicada, as vezes é difícil dizer certas palavras,
Sinto e mesmo assim não digo,
As palavras fogem, principalmente quando estou a seu lado,
Por mais falante que eu seja, algumas palavras ficam presas,
Não consigo entender o porque, só sei que não digo,
Talvez seja porque sempre escondi meus sentimentos,
Sempre tentando fugir deles,
Evitando senti-los e com você as coisas mudaram,
É tudo tão novo que acabo não sabendo o que fazer,
Tudo é diferente e novo para mim,
Cada momento a seu lado é especial e sempre será lembrado!
Existem muito mais palavras a serem ditas,
palavras que devem ser ditas por minha boca!
Te amo amor

Marina Barreto

Saudade

Este telefone que não toca.
Eu ansioso par ouvir a tua voz.
Se te ligo sofro mais ainda.
O meu coração que chora.
Menina dá uma chance para nós.
O tempo longe de te insiste em não passar.

A angustia toma conta do meu ser.
Menina liga para mim.
Acaba de vez com este sofrimento.
Eu sou um homem a sofrer.
Liga para mim.
Já que você insiste em não me atender.

Ricarlosmelo

Hoje

Me dói a saudade, saber que já não está, pensar que tudo terminou, que ja não voltará...sinto que te perdi e tenho que viver perdido agora, sem rumo nem hora...e tenho que viver assim, perdido na tristeza que você deixou em seu lugar. Me dói não ter seu amor e tento esquecer e não faço nada para mudar isso...não faço mais que lembrar; sinto que a minha vida na sua lembrança se va indo, ou, feito sangue vá se esvaindo...ralo abaixo, bueiro afora. Me dói a saudade, amor. As lágrimas do meu coração não param de bater no meu rosto. Tenho medo de sentir dor, sofrer e me ferir...me dói a saudade como se fosse uma lamina penetrante rasgando-me a carne, sangrando-me o sentimento. Amor, há dias cinzas por chegar; há noites negras e eu sem poder dormir...sem saber viver sem você. Te juro que me dói a saudade e, que ando doente de pensar aonde é que você pode estar...estaria se divertindo sem mim (nem quero imaginar), eu morro só de pensar. Amor, se um você pensar em voltar, nem pense, volte sem pensar.

Ivan Melo

Saudade

_Saudade, saudade, saudade!
É um sentimento que vem sempre com uma gota de lágrima.
_Saudade, saudade, saudade!
É o que eu sinto todos os dias. Eu passo nas avenidas, ruas, becos e vielas a onde você Eu passava juntos, Eu recordo você preenchendo cada espaço, mais não tenho mais você pertinho de mim.
Eu poderia medir todos os sentimentos dos espaços que nos dois ocupamos, mas isso não ia trazer você para perto de mim, só ia aumentar a minha dor, saudade, e a minha angustia.
_ Saudade, saudade, saudade!
Chora um coração te tanto amar.
Eu não sei que fico alegre ao lembrar os bons momentos que estávamos juntos, ou fico triste por sentir que estou te perdendo, ou mesmo por não estamos junto mais.
Você partiu deixando para trás um coração morrendo de amor por você.
- Saudade, saudade, saudade!
A minha felicidade veio como sonhos se perdendo no amanhecer, ao acordar para o novo dia.
Você veio numa escalada longínqua, num toque de mágica me sentir a pessoa mais feliz do mundo, para mim seria para sempre, foi uma promessa sem consultar o destino. Mais muitas da vez o destino nos pega uma peça, e você foram se embora deixando para trás muitas saudades, alguém chorando por você, como um sonho ao se acorda acaba tudo.
_Saudade, saudade, saudade!
Onde andaras você, o que se passa no teu coração, Você marcou tanto em tão pouco tempo, que me deixou saudades e muitas recordações.
Você me completa e me faz muito feliz, estou me sentindo como um peixe fará d’água, procuro resposta para isso, sei também que as resposta esta no vento.
A gora só resta este vazio deixado por você na minha alma.
_Saudade, saudade, saudade!
É o que eu sinto ao recorda você.

Hélio pereira Banhos 16/09/2008;

Hélio Pereira Banhos

Sinto saudades...

Toda saudade tem um sentido
A minha é você...
Minha saudade dói de saudades de você.
Se a eternidade não se faz realidade
que eu tenha a realidade de que
já não tenho-te aqui comigo...

Toda saudade tem um sentido
A minha é tuas risadas...
Ecoam nos meus ouvidos,
retumbam dentro do meu coração.
Todo dia a saudade me trás
você aos pensamentos...

Toda saudade tem um sentido
A minha me faz viver..
Vivo buscando amores nos lugares errados,
incertos porque la não está você,
Você que me fez viver incerta
porque descobri que sei viver sem você...

Toda saudade tem um sentido
A minha me fez crescer...aceito todo dia...
Meu coração não quer viver rebelde
quer deixar de sofrer de saudade.
Buscar novos horizontes.
Porque somente a saudade
nestes dias me fez recordar
Que se ainda vivo, vivo por viver...

Ivete Barros, 16/09/2008, 04:40

vete Barros 16092008 0440

Happy Hour

São seis horas da tarde e aconteceu
Uma saudade de nós veio e bateu
Vejo o meu chopp sorrindo no balcão do bar,
Pinta você e paro de respirar...


O mesmo ombro, o mesmo raio de sol
O nosso olhar brindando faz tim tim
A minha happy hour é ver você assim
e a cidade fala volta pra mim
Meu automóvel eu e você,
love forever on the road
Um por do sol vermelho de amor,
teu nome o mar não apagou
É muito doido total rock n'roll
Como eu gosto de você.
Por que ficar longe de um grande amor
Coisa que o vento levou


Meus dedos quase sonham ao te abraçar
Seus lábios tocam cordas dentro de mim
A hora mais feliz é com você aqui
desde o primeiro dia que te vi.

Eduardo Dusek