Carta ao meu Pai

Cerca de 1144 carta ao meu Pai

Para meu pai Orizon.

Menino meigo,
risonho.
Humor sempre à flor da pele.
Suas gargalhadas explodiam
Com o encantamento de alguém que descobre o mundo
E está sempre enamorado pela vida.
Colocava o coração
no doce olhar brejeiro
e faceiro
Construía poemas pra amada Mercês.
Talvez
Sem sabê-lo fosse um poeta
Não, talvez não, ele o era de fato
Na simplicidade de suas palavras,
tecia lindos poemas
Cujo tema versava sempre o amor
Grande amor dedicado à eterna amada.
desenhava neles, a menina dos sonhos.
Também foi valente
passou pela vida de uma forma
Magnificamente inteligente!
Homem decente e prudente.
Pois, apesar de muito pobre delineou com exemplos, os perfis dos seus filhos.
Com sua bela herança de honestidade
e generosidade.
Hoje somos todos ricos de valores humanos.
se estivesse aqui entre nós
Teria completado 86 anos de uma exemplar existência.
como partiu, compõe agora lá infinito
86 bilhões de bonitos
Fachos de luz.
Minha constelação de estrelas.
Meu sol
Meu herói imortal.
Meu dilúvio de amor.

Eleni Mariana de Menezes

Crônica para Tereza

Sorriso meigo, olhar sereno.
Tereza deixava-se derramar em amor
Porque sabia ser uma interlocutora dos Arcanjos,
na sua magnífica caminhada entre os homens.
Trejeitos leves de quem perdoa sempre...
Eu pude beber na sua fonte, suprema alegria
de ter Tereza no seio familiar e contemplar
o perfil de uma mulher singular.
Belo exemplo deixou-nos do saber, que somente uma alma
generosa traz para compartilhar com os semelhantes:
Paz, e se lhe faltavam as palavras....
ela se transmutava em Anjo para serenar
as pessoas que tiveram o privilégio
Doce mistério.
De ter Tereza, de ver Tereza, de saber Tereza.
Mais que amiga, era minha irmã
Por isso,
ficará no meu baú de saborosas recordações.
Por que?
Tereza partiu, mas imprimiu no mundo a sua marca
Que jamais se apagará.
Mudou-se, foi para um castelo reluzente
E se encontra nos braços do Pai tão sorridente!
E estaremos sempre, todos nós, seus amigos e familiares
Num eterno encantamento, abraçados.
Entrelaçados.
Mais que saudosos, apaixonados.

Eleni Mariana de Menezes

24/02 O Dia vai amanhecer todo teu pai s2 Li um texto essa semana que fala sobre a idade dos filhos, e o quanto elas denunciam a tua própria idade. Pensei sobre isso e vi que muitas vezes eu me pareço mais velha que tu...
Falta-me a disposição que tu tem, e a forma como tu continua a ver as pessoas com tanta bondade que não consegue esperar o pior de ninguém, e nem da vida, te faz novo!
Os anos passaram e tu conseguiste manter o teu coração tão puro quanto o de uma criança...
Mas não que eu considere isso algo tão bom assim... Incomodo-me muito com isso... Pelo fato de que tu nem percebe quando algumas pessoas estão sendo falsas e oportunistas perto de ti...
Tantas vezes tenho vontade de cuidar de ti como uma mãe cuida de um filho... Fazendo escolhas que considero mais corretas, te obrigando a ouvir sem discordar, te ajudando a mudar de ideia.
Mas é aí que fica claro o papel pai/filha.
E é aí que os atritos começam...
Às vezes parece que a gente nem tá falando o mesmo idioma... Tu não consegues me entender e eu muito menos te entendo... Mas me desculpa se com quase 28 anos já perdi muito do encantamento que tu ainda tem pelas pessoas... Quero que saiba que mesmo quando somos tão diferentes como água e fogo, eu te amo. E isso nunca vai mudar.
Parabéns pelo teu aniversário. Que hoje teu dia seja somente de alegria e que os teus 55 anos sejam muito bem aproveitados. Que não te falte saúde, paz e sorrisos.
E lembra-te disso com toda tenção: Ninguém mais que tua esposa e tuas filhas te querem tão bem como te querem por perto... Por todo tempo do mundo.

Ana Claudia Lesnik

Existem lembranças que vão ficando suaves com o tempo e nos trazem recordações que nos deixam de coração eternamente grato e de alma feliz e em paz. Meu pai se vivo estivesse, hoje estaria completando 97 anos. Partiu do planeta aos 69 anos, relativamente jovem e cheio de vontade de viver. Dificilmente, fico mais que dois a três dias sem me lembrar dele, sempre nas reflexões, avaliação de alguma intuição, tem um pouco da sua sabedoria para me orientar.
As maiores lições de vida que aprendi com ele foram: humildade, simplicidade e generosidade. A força da sua presença e seu sorriso aberto era pura alegria onde chegava. Viajei por muitos anos e consegui muito sucesso na minha carreira profissional, usando essas armas tão poderosas. Deixei amigos por onde passei, plantei sementes da confiança e amizade no coração de cada um.
E venho fazendo isso até os dias de hoje. A sua presença espiritual, me trás lembranças dos ensinamentos que aprendi na minha caminhada ao seu lado. Chega junto uma paz, que acalma e deixa energias boas fluírem. Foi, e é meu maior ídolo nessa passagem por aqui. Lembranças que trazem lagrimas boas da saudade que o coração agradece. Será sempre um morador especial aqui do lado esquerdo do peito. Valeu companheiro do caminhar.
Caminhei ao seu lado por 32 anos e ainda hoje sinto sua presença.
Te amarei eternamente, meu velho e querido pai.

Professor Galvão

Pedi que o voltasse. Estranhei ao ver meu pai correndo atrás de mim!
Andado disse apenas virando o rosto: - Volte, não se preocupe já estou acostumada, tentando convencer lo a me deixar ir só a parada as 5:30 da manhã.
Ao vê lo que não parava em meio a essa perseguição resolvi apenas para e junto ficamos a caminhar.
Chegando ao meu destino agradeci e pedi que voltasse para casa.
Vendo aquela cena me emocionei recordando do quanto aquela pessoa tentava me proteger quando eu ainda era uma criança, e que voltava a fazer a mesma cena mesmo eu estando com 27 anos.
Como já dizia William Shakespeare: - Sábio é o pai que conhece o seu próprio filho.

jeanecas

A vida até aqui...Simples assim.

Sabe quando você é apenas um bebê, não percebe muita coisa, quando está com fome, simplesmente chora, e alguém lhe dá o que comer, quando está doente, simplesmente chora e alguém lhe dá o remédio certo, quando está com as fraldas sujas, simplesmente chora e alguém as troca, você não faz nada apenas chora, mas simplesmente alguém ama você.
Sabe quando você é apenas uma criança, percebe pequenas coisas, quando está com fome simplesmente pede e alguém faz algo para você comer, quando está doente, simplesmente diz o que dói, e alguém lhe dá o remédio certo, quando esta apertado, simplesmente pede, e alguém leva você ao banheiro, você não faz muita coisa, apenas pede, mas simplesmente alguém ama você.
Sabe quando você é um adolescente, percebe varias coisas, quando está com fome, simplesmente vai até a geladeira e pega algo pra comer, quando está doente, simplesmente vai até a caixinha de remédios e pega o que precisa, quando está apertado simplesmente vai até o banheiro, você faz varias coisas, mas ainda assim apenas vai e pega, mas alguém simplesmente ama você.
Sabe quando você é adulto, percebe todas as coisas, que durante toda a sua vida não existiu simplesmente alguém, existiu uma pai e uma mãe que simplesmente amaram você, você faz inúmeras coisas, mas simplesmente precisa deles, e as vezes quando percebe, é tarde, simplesmente não adianta mais chorar, pedir ou tentar ir buscar em algum lugar, simplesmente eles não estão mais aqui...e o aperto na garganta que fica cada vez que lembra deles, esse..não é tão simples assim.

Ney Mombach

A Paternidade de Deus

Quando os discípulos lhe pediram uma aula sobre como orar, Jesus lhes deu um modelo, a que chamamos A Oração do Pai Nosso (Mateus 6.9-13). Não para ser repetida mecanicamente, mas para nos orientar na hora de orar. Convido você a meditar comigo nesta oração durante algumas semanas.

Comecemos pelo vocativo: “Pai nosso...”. Sim, Deus é Pai (e com “P” maiúsculo). É Pai, porque nos criou, nos gerou, nos ama e nos sustenta. Então isso significa que Ele seja Pai de todos?

Por mais antipática que esta palavra seja, a Bíblia responde pela negativa. Não; nem todos são filhos de Deus! E como sabemos isso? Lemos: “...mas a todos quantos o receberam [falando de Jesus], deu-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus” (João 1.12). Note bem isto: “...a todos quantos o receberam”. Isto é, a todos aqueles que receberam Jesus como Salvador de suas vidas.

A Bíblia afirma que todos os homens são criaturas de Deus, e isto não é pouca coisa. Mas os que desejam ardentemente estabelecer um relacionamento pessoal e constante com Jesus Cristo, esses são seus filhos e, portanto, têm o privilégio de chamar-lhe Pai. Certo dia, diante da resistência que homens maus, mesmo trajando capa religiosa, ofereciam à sua mensagem, Jesus apontou-lhes o dedo e disse: “Vós sois do diabo, que é vosso pai, e quereis satisfazer-lhe os desejos. Ele foi homicida desde o princípio e jamais se firmou na verdade, porque nele não há verdade. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira” (João 8.44). Confesso que estas palavras me fazem arrepiar. Consideradas hoje politicamente incorretas, elas denunciam um quadro espiritual caótico em que o homem é tido como filho do diabo, e não de Deus.

Conquanto pareça estranho, os homens só se tornam filhos de Deus quando fazem opção entre nascer de novo e ser filho de Deus ou continuar sendo filho do diabo. A escolha é sua. Só sua!


Pr. João Soares da Fonseca

João Soares da Fonseca

PAI ESTEJA COMIGO

Pai sempre que saio em minha moto,me lembro de te pedir pra ir comigo nela .sei que muitas vezes não mereço que conduza Ela pra mim..mais se vier a deixar de fazer isso..por favor lhe peço pegue a sua..e esteja do meu lado..pois sem ti nas estradas desta vida..a minha queda será certa..

Valdeir.vieira

Sobre o feriado de "são" Jorge no RJ.

Hoje, muitos comemoram o feriado de Jorge. Muitos o consideram um "santo" com poderes divinos, mas ele nunca teve poder algum.
Ele foi morto por defender a verdade bíblica, indo contra a idolatria, algo que acontece hoje com o próprio, anos e anos depois.
Infelizmente muitos estão cegos e entregando suas vidas e petições pelo canal errado. O único capaz de nis dar proteção, vencer lutas e nos dar paz no coração é Jesus. Aquele que morreu, mas ressuscitou e hoje está vivo a destra do Pai. Ele é o único caminho, a via única que nos leva até Deus.

Clinton Ramachotte - Comentário acerca do feriado de 2304 no RJ

"Se eu te encontrar um dia agonizante,
morrendo em desespero, de remorsos,
pelo mal que me fazes a todo instante,
eu rezarei por ti um Pai Nosso.
E se pensares o quanto me ultrajaste e me pedires perdão,
eu dar-te posso. Em louvor a algum bem que me causaste,
eu rezarei por ti Um Pai Nosso."

Cartola

Quero erguer uma forte prece,
mas quero ter a certeza de que sou ouvido,
que não serão meras palavras lançadas a esmo.
Lancei-me, então, desesperado na busca.

Fui ao pároco, e este me ensinou que eu deveria compungir-me,
para então, depois, estar habilitado a falar às instâncias celestiais.
Tentei..., porém, mesmo sendo grande e sincero meu remorso,
apenas senti-me mais culpado por meus próprios erros...

Resolvi, então, melhorar a mim mesmo,
pois ouvira dizer que tal caminho era bom:
cultivar os bons pensamentos,
ajudar ao necessitado, estender a mão ao pedinte.
Melhorei-me, fiz o bem sem ver a quem, todavia,
por melhor que fosse, ainda me sentia um nada...

Por descobrir que pouco conhecia de mim mesmo,
dei ouvido a um homem que me dizia: “conhece-te a ti mesmo”,
subi íngremes montanhas, escalei áridos penhascos,
encontrei coisas que não sabia existir dentro de mim,
esforcei-me, impus-me sevícia. Fiz meus pensamentos trabalharem a meu favor.
Todavia, deparei-me mais claramente ainda...,
com a mazela de meu próprio ser, agora descortinada aos meus olhos.

Triste voltava, desapontado e sem rumo,
quando me detive, atento, a pequeno burburinho:
um homem simples, um Galileu, ensinava pequena multidão de doze;
não tinha eloquência vivaz, mais seu olhar era terno e penetrante.
Suas palavras brandas e poderosas, que em todos parecia produzir vida.
Percebi que Ele ensinava exatamente o caminho que eu procurava.
Pensei: “é mais um...!”, mas meu coração gritava: “ouça-o!”.

Ele então dizia: “não está no grito nas praças..., no ser notado por todos...,
nem nas inúteis repetições..., nem tampouco no muito falar...,
ou no afligir-se..., o caminho para o Eterno”
Lembrei-me do velho Rubem Alves em sua crônica “Sobre deuses e rezas”:
“Ora, se a gente fica no falatório é porque não acredita nisso.”
Ri-me de mim mesmo... Afinal era isso que eu fizera a vida toda!

Mas o coro da pequena multidão dos doze, ainda dizia:
“Então, Mestre..., como devemos fazer? Senhor, ensina-nos a orar!”
E eu, fazia parte do coro! Eram treze a pedir, mas eu, em silêncio.

Então, foi aquele a quem chamavam de mestre, dizendo:
“Primeiramente, quando orares, entra no teu quarto...,
tranca a tua porta..., ora em secreto...
Teu Pai que está em secreto, te ouve e te recompensará.
Ensinou as mais belas palavras que já ouvira dizer...

Pus-me a lembrar, que as únicas vezes que me sentira ouvido por Deus,
foram exatamente, quando em minha inocência infantil,
a beira do leito, pedia sinceramente ao “Papai do Céu”,
que eu cria firmemente existir: “bençõe o Papai, bençõe a Mamãe...”
Hoje, crescido, tinha menor fé, e mais abundante falatório.
Caminhara tanto, para encontrar algo tão perto.
Impusera-me tanto sofrimento, por algo tão prazeroso.
Mas, feliz, conclui: aprendi a orar!

Forte Prece (Pai Nosso I)
Leia: Mateus 6:5-15
Por Samuel Amorim Oliveira
Em 20 de Dezembro de 2013

Samuel Amorim Oliveira

Desde jovem comecei a perceber que brigas de pai com a mãe, nenhum filho gosta. A mãe gritando com o pai, o pai maltratando a mãe, ou trocando tapas, ou um dizendo para o outro que vai se separar, dói o coração de qualquer filho, os filhos querem a união de seus pais.
nelsoarcoiris.blogspot.com.br

Nelson Alves

Porque me ensinaram tão certo e eu faço tudo sempre tão desprovido de certezas, tudo tão cheio de erros.

A gente cresce e tropeça nos nossos defeitos, escancarados pelo mundo a nossa frente. Bate, rebate.

Vocês deviam ser os mais felizes sempre. Eu queria comprar esse poder, mas sou dona apenas dos prazeres momentâneos.

Ao lado, se reclama. Longe, se lamenta.

Não é possível separar esse laço de afinidade da infância.

As lembranças me atormentam, não gosto de sentir saudades daqueles tempos...aceitar que não voltam, que morrem, que mudam.

Sentimentos mexidos. Ás vezes, eu só queria colo amassado, queijo derretido, bronca rebatida.

Síndrome de ser pequena, de ser assim, pensar que o mundo gosta de mim e sonhar que nada tem fim...até o que já teve.

Que saudades daquele tempo!

Difícil mudar, criar outra família, ser outro alguém em outro lar; coração aperta.

Saudade daquela menina na escola, tardes dormidas, e quando estava tudo bem na segurança do nosso amor.

Precisamos entender tão rápido aquilo que o tempo jamais deveria ter medido, a hora de ir.

HG

Mestre Bravo ou 'Brabo'?



- Seu Mestre de Capoeira é furioso?
- Sim.
- Não é não, afinal brincadeira vez em quando é bom, mas quando é demais: é porque
tudo já passou dos limites.
- Sim
- Nunca 'brabo', mas sempre bravo, corajoso, educado e educador, logo um pai e/ou quando é uma mulher uma mãe. -
[Ru Aisó, Maria Al. Teixeira]

Ru Aisó, Maria Al. Teixeira

Um me ensina ser mais dura com a vida e o outro me ensina ser terna..
Um me ensina a dar valor no dinheiro, outro me ensina dar valor em coisas simples...
Um me vê como sua eterna criança. outro me vê como uma super mulher...
Um quer me ver bem acompanhada, outro me quer só pra ele...
Um é meu pai..Outro é meu filho!!!
Amo vcs..

Lu Picussa

Fique tranquilamente... há alguém que faça-te feliz... mesmo voce não sabendo... ou não querendo ver... ( balançando os ombros) :P quer voce esteja triste, não espante-se, à Felicidades sempre aparece... :P e ser feliz para sempre, como eu faço?... como desligo a Tristeza definitivamente?... não quero mais... já a vivi bastante... o.O ... ou desvivi, sei lá... :P ( o.O sempre com língua) mesmo sabendo que à Vida aparece e outrora à Tristeza aborrece... o.O não consigo explicar o que meu Coração quer falar... :P ... quem manda o Coração querer falar, né?... já pensou o Coração falando?... o que ele não iria dizer... o.O :\ DEUS PAI (JESUS)... sabe TUDO que somos... e mesmo assim perguntamos... duvidamos... :P o.O ... PAI ... Para o ai ... :P quero dizer que á palavra "Pai" quer dizer "para o ai" ... o.O "P" de "para" e "ai" ... sempre quando tem um ai, é para lá que vamos... casa de DEUS... o.O ficamos apertados... Já à palavra "Mãe" vem de "Mão" ... Mão... apoio... segurança... e o Pai simboliza que nunca há problemas... -_- (muito sono) ... até mais então... o.O ... quero que saiba que pode abrigar-se em meu Coração, pois tudo que cabe lá é teu bem querer... ;) ?


QUERO PAZ!!!!

À TODOS!!!

NADA MAIS!!!

QUE TODO RESTO ACABE-SE...

Cristiano de Campos

Despertas, tu que dormes!




Andei por caminhos errados, me deixei influenciar por ideais sórdidos. O inimigo do Pai me usou, me transformou em algo que não conheço, já não mais sabia quem eu era só sabia que não era bom.

O desespero invadiu a minha alma, a loucura aos poucos me dominava, tudo de mais valor que havia em minha vida aos poucos se acabava, e tudo que me restara era ódio, inveja, raiva, desonestidade, arrogância, e estupidez.

Tudo que eu considerava bom era ligado às noites de barulho e narcóticos caros somados a álcool e bagunça.

Mas um dia comecei a ver com clareza, que tudo o que havia passado era apenas um teste, pra minha família e pra mim, onde Deus tem sempre um plano pra cada um.

Hoje acho que o plano de Deus para mim, é dar meu testemunho de vida, de como é possível conhecer o inferno achar que é tudo maravilhoso, acordar do pesadelo, e realmente enxergar que maravilhoso mesmo é estar próximo ao Pai.

Meu Pai! Rei maravilhoso e cheio de misericórdia, estou aqui, e me prostro diante de ti, para te louvar e te agradecer, pois tens sempre o melhor pra mim

Thiago Dalmeida

Todo filho é pai da morte de seu pai.
Ou, quem sabe, a velhice do pai e da mãe seja curiosamente nossa última gravidez.
A casa de quem cuida dos pais tem braços dos filhos pelas paredes.
Nossos braços estarão espalhados, sob a forma de corrimões.
Pois envelhecer é andar de mãos dadas com os objetos, envelhecer é subir escada mesmo sem degraus.
feliz do filho que é pai de seu pai antes da morte,
e triste do filho que aparece somente no enterro e não se despede um pouco por dia.

Fabrício Carpinejar

Ana paulino

AO MEU FILHO, MATEUS

Sei que não sou o melhor pai, ou o pai que você queria que eu fosse. Se há algum responsável nessa história de sua vida, poderia ser Deus, com sua escrita cheia de garranchos, ou eu mesmo, por querer tanto que você viesse ao Mundo. Posso não ser um ótimo professor, posso ser bravo demais.

Se sou assim, é porque acredito, e cobro isso, que você pode ser melhor, mesmo sendo você mesmo. Você só poderá ser melhor que você mesmo, como filho, um futuro pai ou um simples Apresentador Mirim de Jornal, me ensinando que o medo é algo passageiro, embora difícil de explicar, que a fantasia e a brincadeira são coisas que a Vida séria não nos pode tirar, senão nossa própria má vontade e que aprender é tão essencial como respirar, dormir e se alimentar.

Ebrael

Pai, somos feitos do mesmo material!

Pois é,
não é difícil perceber
que tenho o seu jeito de ser
parte da sua personalidade
muitos dos mesmos defeitos
e também muitas qualidades.
Porque nós dois somos feitos
do mesmo material.

Vivemos e aprendemos
e esse aprendizado não tem fim
hoje olhamos na mesma direção
você é um companheiro prá mim.

Obrigada pela força
e pelos conselhos
nem sempre a gente acerta
mas olhamos na mesma direção.

E, por sermos feitos do mesmo material
somos tão parecidos, mesmo tão diferentes,
sou parte de você, mas sou eu
e podemos caminhar juntos
porque sua história se mistura na minha
e e minha história é parte da sua
porque caminhamos na mesma direção.

Feliz dia dos pais.

Para meu pai, João Carlos Natel

Angela Natel