Sarah Westphal

Sarah Westphal é uma catarinense, autora da crônica "Quase", que durante dois anos foi atribuída ao escritor Luis Fernando Veríssimo, sendo publicada na França, numa coletânea de textos e versos de escritores brasileiros, reunidos por uma escritora francesa
Encontrados 18 pensamentos de Sarah Westphal

Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando... Porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive, já morreu...

Sarah Westphal

Quase

Ainda pior que a convicção do não e a incerteza do talvez é a desilusão de um quase. É o quase que me incomoda, que me entristece, que me mata trazendo tudo que poderia ter sido e não foi. Quem quase ganhou ainda joga, quem quase passou ainda estuda, quem quase morreu está vivo, quem quase amou não amou. Basta pensar nas oportunidades que escaparam pelos dedos, nas chances que se perdem por medo, nas idéias que nunca sairão do papel por essa maldita mania de viver no outono.

Pergunto-me, às vezes, o que nos leva a escolher uma vida morna; ou melhor não me pergunto, contesto. A resposta eu sei de cór, está estampada na distância e frieza dos sorrisos, na frouxidão dos abraços, na indiferença dos "Bom dia", quase que sussurrados. Sobra covardia e falta coragem até pra ser feliz. A paixão queima, o amor enlouquece, o desejo trai. Talvez esses fossem bons motivos para decidir entre a alegria e a dor, sentir o nada, mas não são. Se a virtude estivesse mesmo no meio termo, o mar não teria ondas, os dias seriam nublados e o arco-íris em tons de cinza. O nada não ilumina, não inspira, não aflige nem acalma, apenas amplia o vazio que cada um traz dentro de si.

Não é que fé mova montanhas, nem que todas as estrelas estejam ao alcance, para as coisas que não podem ser mudadas resta-nos somente paciência porém,preferir a derrota prévia à dúvida da vitória é desperdiçar a oportunidade de merecer. Pros erros há perdão; pros fracassos, chance; pros amores impossíveis, tempo. De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma. Um romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance. Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar. Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu.

Sarah Westphal

Pros erros há perdão; pros fracassos, chance; pros amores impossíveis, tempo. De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma. Um romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance. Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar. Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu.

Sarah Westphal

Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar.
Desconfie do destino e acredite em você.
Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando, porque embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu.

Sarah Westphal

A vida

Para os erros há perdão;
para os fracassos, chance;
para os amores impossíveis, tempo...

Não deixe que a saudade sufoque,
que a rotina acomode,
que o medo impeça de tentar.
Desconfie do destino e
acredite em você.

Gaste mais horas realizando que sonhando,
fazendo que planejando,
vivendo que esperando
Porque, embora quem quase morre esteja vivo,
quem quase vive já morreu.

Sarah Westphal

Ainda pior que a convicção do não
é a incerteza do talvez
é a desilusão de um quase!
É o quase que me incomoda
que me entristece, me mata
Trazendo tudo que poderia ter sido
...e não foi

Sarah Westphal

Pros erros há perdão; pros fracassos, chance; pros amores impossíveis, tempo... Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar.

Sarah Westphal

Para os erros há perdão; Para os fracassos, chance; Para os amores impossíveis, tempo


Os erros marcam!
São facas!
Esfaqueiam e castram.


Perdão é uma invenção!
Se o Homem não tem coração!
Não irá deixar de vingar NÃO.


Dizer que os erros têm
Perdão,
É pura consolação.


Os erros alheios serão lembrados aos
Homens dianteiros (fábula da raposa e uvas)
Principalmente pelos
Canteiros (vivem nos cantos, andam pelos becos)


Mas os erros são uma versão,
Não combinam com o homem de
Razão.
O erro depende do lado da equação!


Os fracassos formam homens
Às vezes,
De aço!


Pode ser causado também
Por gente que na terra tem vocação de ser
Palhaço (autopunição).


O fracasso pode ser um
Mafioso abraço!
Pode ser no sapato
Um pedaço (de pedra (,
Na sociedade,
A Serra do Espinhaço!


Ele pertence à própria pessoa,
Mas as pessoas ao redor lhes aumentam o
Espaço,
Pois a regra de sempre é:
Faça o que eu mando e não repare o que eu
Faço.

Mas os amores impossíveis,
O tempo basta.
Dizer isso é
Cachaça!
O tempo nada acha,
Nem rechaça!


Nas coisas dos outros,
Nunca se entrelaça,
O tempo ao contrario,
Os amores (desilusões),
Recalca.


Como amar é colocar azas,
E vôos alçar,
Pode-se enganar,
Descobrir que não é fácil
Acertar,
E que todas as formas anormais de
Amor,
É simples modo de falar (discurso),
Que o tempo não vai melhorar,
Pois o tempo é construção fictícia do homem,
Para a si e aos outros enganarem.

Sarah Westphal

Ainda pior que a convicção do não e a incerteza do talvez é a desilusão de um quase.

Sarah Westphal

A fé em DEUS nos faz crer no incrível, ver
  o invisível e realizar o impossível
Pergunto-me, às vezes, o que nos leva a escolher uma vida morna; ou melhor não me pergunto, contesto. A resposta eu sei de cór, está estampada na distância e frieza dos sorrisos, na frouxidão dos abraços, na indiferença dos "Bom dia", quase que sussurrados. Sobra covardia e falta coragem até pra ser feliz. A paixão queima, o amor enlouquece, o desejo trai. Talvez esses fossem bons motivos para decidir entre a alegria e a dor, sentir o nada, mas não são. Se a virtude estivesse mesmo no meio termo, o mar não teria ondas, os dias seriam nublados e o arco-íris em tons de cinza. O nada não ilumina, não inspira, não aflige nem acalma, apenas amplia o vazio que cada um traz dentro de si.
Não é que fé mova montanhas, nem que todas as estrelas estejam ao alcance, para as coisas que não podem ser mudadas resta-nos somente paciência porém,preferir a derrota prévia à dúvida da vitória é desperdiçar a oportunidade de merecer. Pros erros há perdão; pros fracassos, chance; pros amores impossíveis, tempo. De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma. Um romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance. Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar. Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu.

Sarah Westphal

De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma. Um romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance.
Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar.

Sarah Westphal

“Descubra do que você tem fome.
É um desperdício imperdoável passar a vida empanzinado daquilo que não nos sacia.”

Sarah Westphal

Felicidade, quando passa, dói.
Tristeza, quando dói, passa.
É tudo uma questão de tempo.

Sarah Westphal

Disse que se tudo desse errado eu tinha pelo menos o consolo de que eu acreditava, de que eu realmente pensava que isso podia ser o melhor para mim, de que preferi arriscar e tentar uma história só minha a passar a vida realizando planos que nunca foram meus.

Talvez as coisas não saiam do jeito que eu quero,mas eu não devo me arrepender da esperança que eu sinto e da vontade que eu tenho.

Sarah Westphal

Amor só é grande quando se já repartiu todos os sonhos,

dividiu todos os planos,

quando já se entregou a senha e a chave de casa.

Amor, pra mim, é das coisas imensas.

Dos oceanos, desejos, constelações e galáxias.

Não vejo graça em dosar apoio, em poupar presença,

em guardar carinho.

Deixo para as estatísticas todas as casas decimais.

Sarah Westphal

Eu não fui feita pra mesquinharias.

Sarah Westphal

Nunca se engane com o relógio.
Os minutos passam.
As lembranças é que ficam dando voltas dentro nós.

Sarah Westphal

Nunca se desespere antes, nunca comemore antes e nunca abandone seu posto antes do fim da batalha.

Sarah Westphal