Meredith Grey

26 - 50 do total de 43 pensamentos de Meredith Grey

Aprendemos que na vida há sete pecados capitais. Todos sabemos os maiores: gula, orgulho, luxúria... Mas um que você mal ouve falar é a ira. Talvez porque achemos que a ira não é tão perigosa, que você pode controlá-la. O lance é que talvez não levemos a ira tão a sério quanto deveríamos. Talvez ela seja mais perigosa do que pensemos. Afinal de contar, ao pensarmos em comportamentos destrutivos, ela chegou no top sete.

[...]

Então o que torna a ira diferente dos outros seis pecados capitais? É bem simples na verdade: se entregue a um pecado como inveja ou orgulho e você só machuca a si mesmo. Experimente luxúria ou ganância e você machuca a si mesmo e mais uma ou duas pessoas. Mas a ira... Ira é a pior. A mãe de todos os pecados. A ira pode levar não somente você até o limite, mas também um número terrível de pessoas junto consigo.

Meredith Grey

"Gostamos de pensar que somos seres racionais. Humanos. Conscientes. Civilizados. Pensantes. Mas quando tudo dá errado, mesmo que só um pouco, fica claro que não somos nada além de animais. Temos polegares opositores, pensamos, andamos eretos, falamos, sonhamos. Mas lá no fundo, ainda estamos ligados às nossas raízes primitivas, mordendo, dando patadas, arranhando uma existência nesse mundo escuro e sombrio como o resto doss sapos e dos bichos-preguiça.

[...]

Há algo de animal em todos nós e talvez isso seja algo a ser celebrado. Nosso instinto animal é o que nos faz procurar o conforto, aconchego, um grupo pra andar. Talvez nos sintamos enjaulados, talvez nos sintamos presos. Mas como humanos, ainda podemos achar caminhos para sentirmos livres. Nós somos os protetores uns dos outros. Mais ainda: somos os guardiões da nossa própria humanidade. E mesmo havendo um monstro dentro de todos nós... O que nos separa dos animais, é que podemos pensar, sentir, sonhar e amar. E contra todas as possibilidades, contra todos os instintos... nós evoluimos."

Meredith Grey

Acredita-se que pensar positivo leva a uma vida mais feliz e saudável. Quando crianças, nos dizem para sorrirmos. Sermos alegres e mostrar um rosto feliz.Quando adultos, nos dizem para olhar pelo lado bom.Para fazermos limonada e vermos os copos como quase cheios.Às vezes, realidade pode tentar nos impedir de ficarmos alegres. Maridos falham. Namorados podem trair. Amigos podem te deixar na mão. É nesses momentos. Quando quer torná-los reais ,largar os joguinhos e ser verdadeiro...

[...]

Pergunte às pessoas o que querem da vida, a resposta é simples... Ser Feliz. Talvez seja essa expectativa. Querer ser feliz que nos impede de sermos felizes. Talvez quanto mais tentamos ficar em estado de alegria mais confusos ficamos até não nos reconhecermos mais. Ao invés disso, continuamos sorrindo, tentando ser as pessoas felizes que queríamos ser. Até que cai a ficha, sempre esteve lá... Não em nossos sonhos e esperanças, mas no conhecido,o confortável, o familiar.

Meredith Grey

There's no meaning besides
It's not worth it to try
Get Out

Meredith Grey

O desejo pode ferrar com a sua vida. E por mais duro que seja querer muito uma coisa, as pessoas que mais sofrem são aquelas que sequer sabem o que querem

Meredith Grey

Talvez a gente goste da dor. Porque sem ela, talvez, a gente não se sentisse real

Meredith Grey

"Eu não tenho idéia porque a gente fica adiando as coisas, mas se eu tivesse que chutar, diria que tem muito a ver com o medo. Medo do fracasso. Medo da dor. Medo da rejeição. Seja lá do que a gente tenha medo, uma coisa é sempre verdade: com o tempo, a dor de não ter tomado uma atitude fica pior do que o medo de agir."

Meredith Grey

Perder um amor é como perder um orgão. É como morrer. A única diferença é... A morte termina. Isso... Pode continuar para sempre.

Meredith Grey

"There's a reason I said I'd be happy alone. It wasn't 'cause I thought I'd be happy alone. It was because I thought if I loved someone and then it fell apart, I might not make it. It's easier to be alone, because what if you learn that you need love and you don't have it? What if you like it and lean on it? What if you shape your life around it and then it falls apart? Can you even survive that kind of pain? Losing love is like organ damage. It's like dying. The only difference is death ends. This? It could go on forever."

Meredith Grey

Dizem que a incapacidade de aceitar a perda é uma forma de insanidade. Deve ser verdade. Mas, às vezes... É a única forma de nos mantermos vivos.

Meredith Grey

O corpo humano é projetado para suportar perdas.E se adapta,assim não precisamos do que perdemos.Mas,às vezes,a perda é muito grave,e o corpo não consegue suportar sozinho.

Meredith Grey

É assustador como tudo pode dar errado tão rápido.Ás vezes,precisamos de uma grande perda,para nos lembrarmos do que realmente importa.Ás vezes,ficamos mais fortes.Mais sábios,e melhor equipados para o próximo desastre.Só que,às vezes,nem sempre.

Meredith Grey

Revelar a verdade é como acender um fósforo, pode trazer luz, ajudar a ver com mais clareza ou pode por fogo no seu mundo.

Meredith Grey

"Descobertas não acontecem por causa da medicina. Elas acontecem por que alguém tem medo de parar de tentar."

Meredith Grey

Até os bons casamentos acabam. Num instante a gente está pisando em terreno sólido em outro instante, não está. Tem sempre duas versões:a nossa e a deles. As duas versões começam do mesmo jeito, as duas começam, com duas pessoas se apaixonando. Ninguém se casa achando que vai dar errado, a gente se casa achando que o nosso casamento vai dar certo e sempre é chocante o momento que a gente percebe que acabou. Num instante a gente está pisando em terreno sólido e no outro, não está mais! Você tem o que é necessário, se o seu casamento está em perigo você pode suportar a tormenta? Quando o chão se abre e seu mundo desmorona, talvez você só precise ter fé e acreditar que vocês podem passar por isso juntos, talvez só precise aguentar firme e independente de qualquer coisa não desista!

Meredith Grey

Não importa o quanto somos durões,um trauma sempre deixa uma cicatriz, segue a gente até em casa, muda as nossas vidas. O trauma mexe com todo mundo mas talvez o sentido seja esse mesmo toda dor, todo medo, toda desgraça. Talvez passar por isso seja o que nos faz seguir em frente, é o que nos empurra. Talvez tenhamos que passar por isso antes de nos comprometermos.

Meredith Grey

Eu sempre disse que seria mais feliz sozinha, que eu teria meu trabalho, meus amigos mas, alguém na minha vida o tempo todo? Da mais trabalho do que vale a pena! Mas parece que eu superei isso. Existe uma razão pra eu dizer que seria mais feliz sozinha. Não que eu pensasse que seria mais feliz sozinha, é que eu pensava que se eu amasse alguém e desse errado...eu não conseguiria aguentar. É mais fácil ficar sozinha. Por que e se você aprender a amar e depois não tiver a quem amar? E se você gostar de amar e ficar dependente? E se você mudar a sua vida a volta do amor e então ele acabar? A gente consegue sobreviver a esse tipo de dor? Perder um amor é como perder um órgão, é como morrer. A única diferença, é que a morte é o fim e isso, isso pode durar pra sempre!

Meredith Grey

No dicionário define pesar como sofrimento ou tormento mental aflitivo, por uma perda, mágoa lancinante, tristeza profunda. Como cirurgiões, como cientistas, vão nos ensinar a aprender com os livros e como confiar em suas definições,suas conclusões, mas na vida definições precisas raramente se aplicam, na vida o pesar pode parecer com um monte de coisas que guardam apenas uma pequena semelhança com tristeza profunda.
O pesar pode ser uma coisa comum em todos nós mas age diferente em cada um. Não é só a morte que trás o pesar, é a vida, a perda dela, as mudanças. E quando a gente pensa porque que tem que ser tudo tão sofrido, por que que machuca tanto o que a gente não pode esquecer, é que tudo vira de uma hora para outra. É assim que sobrevive quando machuca tanto a ponto de você não conseguir respirar, é quando você sobrevive!
Quando você se recorda de um determinado dia, de alguma forma impressionante, você não se sente do mesmo jeito, não dói tanto assim. O pesar vem pra cada um no seu tempo, do seu jeito. Então, o melhor que se tem a fazer, o melhor que qualquer um tem a fazer, é tentar ser honesto. O pior disso tudo, a pior parte do pesar, é que a gente não se controla, o máximo que podemos fazer é saber quando o pesar vai chegar e deixar ele ir embora quando pudermos. Mais o pior mesmo é quando você acha que passou e começa tudo de novo e sempre toda vez você se surpreende.
Existem 5 estágios de pesar, eles são diferentes para cada um, mais são sempre 5. Negação; Raiva; Barganha; Depressão e Aceitação.

Meredith Grey