Goethe

1 - 25 do total de 109 pensamentos de Goethe

A temperança é um dos maiores prazeres.

Goethe

O gosto só pode ser educado pela contemplação não do que é razoavelmente bom, mas daquilo que é puramente excelente. Só revisando apenas os melhores trabalhos que já fiz é que posso estabelecer um padrão para o futuro.

Goethe

De que vale o eterno criar, se a criação em nada acabar?

Goethe

O mais importante da vida não é saberes onde estás, mas sim para onde vais.

Goethe

aquilo que deseja ou pensa que pode, comece agora pois a audacia tem em si genio, poder e magia.

Goethe

"O mais importante da vida não é saberes onde estás, mas sim para onde vais."

Goethe

A conduta é um espelho no qual todos exibem sua imagem.

Goethe

Nada mais assustador que a ignorância em ação.

Goethe

Trate as pessoas como se elas fossem o que poderiam ser e você as ajudará a se tornarem aquilo que são capazes de ser.

Goethe

Ai de mim! Que vazio horrível sinto em meu peito! Quantas vezes digo a mim mesmo: "Se pudesses uma vez, ao menos uma vez, apertá-la contra o coração, esse vazio seria desfeito."

Goethe

(…) ouvir tudo isso daquela boca e - no tom da mais sincera simpatia! ... Fiquei transtornado e tenho ainda o coração cheio de ódio. Queria que alguém ousasse repetir-me tudo isso para atravessar-lhe a minha espada de lado a lado, - porque só o sangue poderá acalmar-me. Oh! cem vezes já peguei do punhal para livrar meu coração do peso que o esmaga.
Conta-se que há uma briosa espécie de cavalos que, perseguidos, quando se vêem demasiadamente excitados tem o instinto de abrir uma veia com os dentes para não rebentarem sufocados. Sinto às vezes vontade de fazer o mesmo: abrir uma veia e conquistar assim, para sempre, a liberdade.

Goethe

Corrigir ajuda; encorajar, ajuda ainda mais

Goethe

O sucesso reside em três coisas: decisão, justiça e tolerância.

Goethe

Amo aquele que sonha com o impossível.

Goethe

Quando não se sabe para onde se vai, nunca se vai muito longe.

Goethe

Alles in der Welt lässt sich ertragen,
Nur nicht eine Reihe von schönen Tagen.

Goethe

No Topo Do Mundo Ou nas Profundezas Do Desespero...

Goethe

"Paciência, paciência; as coisas irão melhor; pois que eu te confesso, meu querido amigo, que tu tens razão; e depois que sou obrigado todos os dias a tratar com os homens, e que vejo o que eles são e por que forma se conduzem, estou mais contente de mim. Sem dúvida, já que nós somos construídos de maneira que comparamos tudo a nós mesmos, e nós mesmos a tudo, segue-se que a felicidade e a miséria existem nos objetos a que nos ligamos, e então nada há mais perigoso do que a solidão. A nossa imaginação, propensa por natureza a elevar-se e nutrida com imagens fantásticas de poesia, cria para si própria uma ordem de seres, da qual nós somos os mais inferiores. Todas as coisas nos parecem maiores do que realmente são, e tudo nos parece superior a nós; e esta operação do entendimento é natural. Conhecemos que nos faltam muitas coisas! E o que nos falta parece que outrem possui! Então o adornamos com tudo que possuímos: assim fizemos um ente perfeito - mas um ente tal só existe nas nossas imaginações. Portanto, quando consideramos um ser feliz, associamos a idéia: é obra nossa, não é realidade.
Pelo contrário, quando, apesar da nossa fraqueza e contratempos, continuamos com assiduidade o nosso trabalho sem nos distrair, notamos muitas vezes que navegamos mais, bordejando, do que outros fazendo força de vela e de remos. E...quem tem um verdadeiro conhecimento de si, marcha igual aos outros ou avança ainda mais. "

Goethe

Como somos crianças! Que valor damos a um olhar! Ah! Como somos crianças...

Goethe

"Oh! não poder eu voar até você, meu bom amigo, e exprimir-lhe, com a minha emoção e torrentes de lágrimas, os sentimentos que agitam o meu coração! Sinto-me ofegante e procuro me acalmar"

Goethe

"Veja o que você agora representa nesta casa: tudo para eles! Seus amigos lhe têm consideração e estima, você dá a eles muitos momentos de alegria e supõe que seu coração não poderia viver sem eles. No entando... se você partisse, se desaparecesse desse círculo, por quanto tempo sentiriam o vazio que a sua ausência lhe causaria? Por quanto tempo?..."
Ah! o homem é tão efêmero que, mesmo onde está verdadeiramente seguro de sua existência, no único lugar em que sua presença produz uma impressão real- na memória e no coração dos amigos - mesmo ali ele vai apagar-se e desaparecer, e logo!"

Goethe

"É um impulso natural da humanidade o querer tocar o que nos fere os sentidos. Não é o que fazem as crianças? E eu?''

Goethe

A vida humana não passa de um sonho. Mais de uma pessoa já pensou nisso. Pois essa impressão também me acompanha por toda a parte. Quando vejo os estreitos limites onde se acham encerradas as faculdades ativas e investigadoras do homem, e como todo o nosso trabalho visa apenas a satisfazer nossas necessidades, as quais, por sua vez, não têm outro objetivo senão prolongar nossa mesquinha existência; quando verifico que o nosso espírito só pode encontrar tranqüilidade, quanto a certos pontos das nossas pesquisas, por meio de uma resignação povoada de sonhos, como um presidiário que adornasse de figuras multicoloridas e luminosas perspectivas as paredes da sua cela... tudo isso, Wilhelm, me faz emudecer. Concentro-me e encontro um mundo em mim mesmo! Mas, também aí, é um mundo de pressentimentos e desejos obscuros e não de imagens nítidas e forças vivas. Tudo flutua vagamente nos meus sentidos, e assim, sorrindo e sonhando, prossigo na minha viagem através do mundo".

Goethe

O que nós não entendemos, nós não possuímos.

Goethe

Posso prometer ser sincero, mas não imparcial.

Goethe