Cazuza

Cazuza, pseudônimo de Agenor de Miranda Araújo Neto (nasceu dia 4 de abril de 1958, no Rio de Janeiro, Brasil - morreu dia 7 de julho de 1990); cantor brasileiro.
51 - 75 do total de 283 pensamentos de Cazuza

Deus me deu um coração que ama
Alguma tristeza
Destreza e champagne..
Quanta gentileza!

Cazuza

Eu vejo o futuro repetir opassado;Eu vejo um museu de grandes novidades´´O tempo não para´´

Cazuza

Mas se você achar que estou derrotado saiba que ainda estou rolando os dados,por que o tempo não para

Cazuza

Eu vejo o futuro repetir o passado, eu vejo um museu de grandes novidades.

Cazuza

Você tem um segundo pra aprender a me amar;você tem a vida inteira pra me devorar.

Cazuza

Não adianta desperdiçar sofrimento
Por quem não merece
É como escrever poemas no papel higiênico
E limpar o cu
Com os sentimentos mais nobres

Cazuza

Os idiotas são mais felizes.Eles não sabem que vão morrer.

Cazuza

Saudade
É uma palavra
Saudade
Só existe na língua portuguesa
Saudade de Val vendendo pó na esquina
Saudade do que nunca vai voltar

E dos amigos que se foram
Eu hoje estou com saudade
Na noite quente e no calor
Que sobe do asfalto
Saudade quente
Saudade da roda de cerveja
Dos amigos da madruga e
Saudade de nadar no mar
E um dia ter sido mais puro
Saudade da primeira namorada
E namorado também
Saudade, principalmente
Da irresponsabilidade
Saudade, meus amigos
Daqui a pouco vou estar com vocês.

Cazuza

Até nas coisas mais banais, pra mim é tudo ou nunca mais.

Cazuza

Tenho amor incondicional pelas pessoas que entram em minha vida e sinceramente, não sei o quanto isso é bom nos dias atuais. Talvez esse seja meu pior defeito.

Cazuza

Pra que usar de tanta educação
Pra destilar terceiras intenções
Desperdiçando o meu mel
Devagarinho , flor em flor
Entre os meus inimigos, beija -flor

Cazuza

A emoção acabou que coincidencia é o amor , a nossa musica NUNCA MAIS tocou...

Cazuza

Ah, pra que chorar
A vida é bela e cruel, despida
Tão desprevenida e exata
Que um dia acaba.

Cazuza

As vezes te odeio por quase um segundo
depois te amo mais
teus pelos teu gosto teu rosto tudo
tudo que não me deixa em paz

Cazuza

Mentiras sinceras me interessam.

Cazuza

Pra mudar alguma coisa, a gente teve que gritar, se drogar, ir pra rua e enfrentar nossa própria fraqueza. Era uma maneira de não se render, de não ficar careca, careta.

Cazuza

Tudo é possível no amor.

Cazuza

Eu protegi o teu nome por amor
Em um codinome, Beija-flor
Não responda nunca, meu amor
Pra qualquer um na rua, Beija-flor

Cazuza

E por você eu largo tudo
Vou mendigar, roubar, matar
Até nas coisas mais banais
Prá mim é tudo ou nunca mais

Cazuza

Eu sou apenas um beijo da boca do luxo na boca do lixo.

Cazuza

Pra que mentir
Fingir que perdoou
Tentar ficar amigos sem rancor
A emoção acabou
Que coincidência é o amor
A nossa música nunca mais tocou

Pra que usar de tanta educação
Pra destilar terceiras intenções
Desperdiçando o meu mel
Devagarinho, flor em flor
Entre os meus inimigos, beija-flor

Cazuza

"Que prazer mais egoísta, o de cuidar de um outro ser, mesmo se dando mais do que se tem pra receber."

Cazuza

"Dizem que tô louco, por te querer assim, por pedir tão pouco.. E me dar por feliz. Em perder noites de sono só pra te ver dormir e me fingir de burro pra você sobressair. Dizem que tô louco, que você manda em mim, mas não me convencem não, que seja tão ruim. Que prazer mais egoísta o de cuidar de um outro ser, mesmo se dando mais do que se tem pra receber. E é por isso que eu te chamo.. Minha flor, meu bebê. Dizem que tô louco e falam pro meu bem. Os meus amigos todos, será que eles não entendem? Que quem ama nesta vida, as vezes ama sem querer e que a dor no fundo esconde uma pontinha de prazer. E é por isso que eu te chamo.. Minha flor, meu bebê!"

Cazuza

"Que quem ama nesta vida, as vezes ama sem querer e que a dor no fundo esconde uma pontinha de prazer."

Cazuza

"Tenho amor incondicional pelas pessoas que entram em minha vida e sinceramente, não sei o quanto isso é bom nos dias atuais. talvez esse seja meu pior defeito."

Cazuza