Ano primeiro de Abril

Cerca de 143 frases e pensamentos: Ano primeiro de Abril

[POEMEU EFEMÉRICO]
Viva o Brasil
Onde o ano inteiro
É primeiro de abril

Millôr Fernandes

*ÁRIES*
(de 21 de março a 20 de abril)

Branca, preta ou amarela
A ariana zela.
Tem caráter dominador
Mas pode ser convencida
E aí, então, fica uma flor:
Cordata... E nada convencida.
Porque o seu denominador
É o amor.

Desconhecido

*TOURO*
(de 21 de abril a 20 de maio)

O que é que brilha sem
Ser ouro? - A mulher de touro!
É a companheira perfeita
Quando levanta ou quando deita.
Mas é mulher exclusivista
Se não tem tudo faz a pista.
Depois que dona de casa...
E a noite ainda manda brasa.
Sua virtude: a paciência
Seu dia bom: a sexta-feira
Sua cor propícia: o verde
As flores dos seus pendores:
Rosa, flor de macieira.

Desconhecido

Era um capricho e nada mais,
Doce como um dia de abril,
Mas o seu olhar azul de anil
Roubou de vez a minha paz.

George Orwell

Jornal do bairro:
"Pescaria no rio Tietê"...
Primeiro de abril!

Hazel de S. Francisco

Ausente andei de ti na primavera,
quando o festivo abril mais se altavia,
e em tudo um'alma juvenil pusera
que Saturno saltitava e ria.

William Shakespeare

Suavemente Maio se insinua
Por entre os véus de Abril, o mês cruel
E lava o ar de anil, alegra a rua
Alumbra os astros e aproxima o céu.

Até a lua, a casta e branca lua
Esquecido o pudor, baixa o dossel
E em seu leito de plumas fica nua
A destilar seu luminoso mel.

Raia a aurora tão tímida e tão fragil
Que através do seu corpo transparente
Dir-se-ia poder-se ver o rosto

Carregado de inveja e de presságio
Dos irmãos Junho e Julho, friamente
Preparando as catástrofes de Agosto...

Vinicius de Moraes

Uma Carta de suicídio.


Terça-feira, 22 de abril do ano de 2011, são absolutamente 00:00 horas, e eu estou aqui, decidida a acabar com a minha dor, eu não queria ter que acabar com a minha vida junto com a dor, mas não encontrei outra solução. Há quatro meses atrás, perdi uma das pessoas mais importantes da minha vida, e depois disso comecei a perder tudo, perdi o que tinha de mais valoroso, perdi o amor, eu perdi absolutamente tudo o que tinha, e até o que não tinha. Não tenho sinceras desculpas quanto a tudo isso, minha vida tá um caos, todos os dias, pessoas entram e saem da minha vida, não dizem adeus, elas simplesmente se vão… Eu sofro cada vez mais a cada partida, eu não suporto mais sofrer, eu tenho pensamentos absurdos, e cheguei a tal conclusão do suicídio, eu não sei dizer uma definição certa, eu não tenho um motivo tão óbvio para isto, eu só não suporto mais, desabei, caí, fraquejei… Não aguento mas e quero dar um basta nisso… Sabe aquele momento que você olha em todas as direções, vê multidões de pessoas, mas você está só, em meio a multidão. Eu gritava, ninguém me ouvia, eu chorava e ninguém enxugava minhas lágrimas, nem sequer perguntavam como eu estava, apenas me ignoravam, era como se eu não existisse… Por dias comecei a acreditar que eu fosse só um fantasma, uma alma penada, perambulando pela terra, sem rumo, sem chão, sem um propósito de vida. Então tomei essa decisão, sei que muitos irão me julgar, me mandarão ir ao inferno, mas eu não sei o que vai ser de mim daqui pra frente, não sei para onde vou, eu não sei nem aonde eu estou nesse absoluto momento, eu por diversas vezes tentei firmar meus pés no chão, mas era como se eu estivesse me afogando, procurando terra onde não tinha… Então, chegou a minha hora. Peço desculpa a todos, não pude significar nada na vida de ninguém… Agora minha alma caminha livre, calma até o infinito até o além… Até o eu sei lá para onde… Como meu último pedido, peço que escrevam em minha sepultura, essa pequena frase: ” Aqui descansa eternamente aquela que nunca soube o real motivo da sua existência, que nunca soube o valor que tinha sua vida

Laila Menezes

A gente podia ter podido tudo. Podia ter feito surtir efeito. Já é abril. E você ainda nem percebeu que perdeu. Todos ganham presentes, mas nem todos abrem o pacote. Algumas pessoas ainda, guardam o sorvete pra mais tarde. Eu gostaria imensamente de entender, mas a minha compreensão enfraquecida não consegue suportar certas verdades, nem ver mais aberta as feridas, minha compreensão quer descansar.

Autor desconhecido

7 de abril

A casa cheirava a amor, os moveis transpiraram amor, o tempo parado amando, os lençóis que não cobriam mais nada suspirando. Tudo era amor, menos as palavras que pediam despedidas, coisa impossível quando se tem amor. Um nível infinitamente único, um grau dimensional e súbito. - De amor. Por que quando os corpos querem fazer amor, e o próprio amor os proíbe, mostrando a diferença das vidas antes e depois daquele amor, daquele dia. Vendo que tudo poderia ser vencido inclusive eles, mais aquele amor não, aquele 7 de abril, dia do casamento, dia em que dois seres sentiram mais amor, sentimento, virtude, cumplicidade, e ciúme, que bodas de ouro de muitos casais e em outras vidas em outros costumes. Aprendi que quem gasta no amor uma vida, menos amou na alegria do que quem ama um só dia como aquele jeito.

Gustavo Oliveira

Quem sabe eu ainda sou criança
Ou um velho eu não sei
Quem sabe eu já entrei na dança
Quem sabe eu não dancei

Quem sabe eu não saiba nada
Ou saiba tudo que eu não sei
Quem sabe a hora está errada
Ou há horas já errei

Talvez eu deixe você escolher
Quem saiba eu ainda perca por aqui
Às vezes quero tudo que sonhei
Às vezes o que eu quero é desistir

Pedaços de papel rasgado
Em cima da mesa de um bar
Não fume, não beba, não viva,
Não pense em sonhar

Pedaços de um coração partido
Em frente a varias cartas de amor
Não chore, não ligue, não volte,
Não ouse me amar

Milhas e milhas eu fui percorrer
Por milhas eu não soube aonde ir
Às vezes não espero me encontrar
Talvez um dia eu te encontre por aí

Talvez eu deixe você escolher
Quem saiba eu me perca por aqui
Às vezes quero tudo que sonhei
Às vezes o que eu quero é desistir

Milhas e milhas eu fui percorrer
Por milhas eu não soube aonde ir
Às vezes não espero me encontrar
Talvez um dia eu te encontre por aí

Ah! eu sinto muito blues

Abril

Como eu sou...

Sou amigo...
sou amante...
sou sempre constante...
sou pele...
sou cheiro...
sou ardente
e muito caliente...
sou fera...
sou homem...
sou olhares...
sou olhado...
sou puro...
sou safado...
amo!!!
e desejo ser amado...
sou eu e você...
e você eu eu...
te desejo...
e quero ser desejado...
por você meu amor...

Marcelo Fouquet Rosembrock abril 2010

"Minha cabeça girando, mas tenho de ir em frente. Não é assim? Nem sabemos para onde ir, mas seguimos adiante mesmo que seja para levar um tombo logo no primeiro passo, mas precisamos avançar, avançar. Não fraquejar, não retroceder."

Depois de abril, Suênio Campos de Lucena.

Às vezes, Ele abre a janela à noite, admira as estrelas e procura ver algo além do negrume de um céu raivoso. Ele quer revê-lo porque a verdade, a verdade está no sorriso desse Outro, esse sorriso que o faz crer que amar ainda é possível.

Depois de abril, Suênio Campos de Lucena.

1º de Abril deveria ser também comemorado o dia dos políticos no Brasil

Adilson Santos - fotógrafo

Qυє αвriℓ ทσs τrαgα σs sσทнσs ทãσ rєαℓiʑα∂σs єм мαrçσ. Qυє vєทнα cσм вêทçãσs ∂є ραʑ, нαrмσทiα є sαú∂є!

Adriana Araujo Leal

Para o verdadeiro todo dia é o dia de falar a verdade. Para o mentiroso todo dia é dia de contar mentiras. O problema não é no dia, é na sua boca.

Marcelo Wagner dos Santos

Primeiro de Abril

Hoje é o único dia do ano em que as mentiras
são desmentidas com sorrisos
Bom seria se todos os outros dias fossem assim.

Carolina Carvalho (ByNina)

Qual a necessidade em homenagear a mentira, algo tão detestável e amargo com um dia só pra ela?
Particularmente, eu detesto mentiras, e não sei o que é pior: Ver alguém mentindo descaradamente para você, ver a pessoa tentando esconder a mentira, ou ser obrigado a confiar em alguém que você sabe que é muito mentiroso. Creio eu que essas são as 3 maiores dificuldades do homem ao lidar com a mentira.
A sensação de não conhecer a verdade, de estar sendo privado da realidade, de ter que "engolir" a situação do jeito que lhe foi exposta, sem poder intervir, e muito menos obrigar as pessoas a lhe contar a verdade, torna a mentira algo tão abominável a ponto de se tornar uma compulsão, existem casos que a pessoa começou a mentir e não consegue mais parar, se tornou uma loucura, um descontrole, um vício, uma doença.
Abraçar a verdade é a única maneira sóbria e inteligente de se viver no mundo de hoje, pois ao olharmos ao nosso redor, podemos perceber a triste realidade que nos circunda: Estamos cercados de mentiras.
São políticos, amigos, colegas de trabalho, de escola, professores, conhecidos e desconhecidos, todos, independente da ordem, compulsivamente mentindo. Uns para conquistar um certo objetivo, outros para tentar se vangloriar e parecer alguém que não é, outros simplesmente para se livrar de alguma enrascada. Mentiras, mentiras, e mais mentiras.
Em um mundo de mentirosos, quem carrega consigo a verdade, é rei. Ou pelo menos, devia ser.

Dimitry Duarte

O amor não enxerga cor
Sequer enxerga a dor que lhe há de causar

O amor não enxerga a altura da queda
Horas é vôo alto
Horas é no asfalto que se deixa encontrar

O amor é vertiginoso
É insistir no vergonhoso
É um coração bondoso a se doar

O amor é Ícaro
Inebriado pela sensação de liberdade e poder
Deixou a cera das asas derreter
E caiu ao mar

Iane Thomé