Aniversario de 17 anos

Cerca de 972 frases e pensamentos: Aniversario de 17 anos

O efeito da Justiça será Paz, e o fruto da Justiça, repouso e segurança para sempre.

Isaías 32:17 (Antigo Testamento)

A fraternidade deve ser a pedra angular da nova ordem social; mas não há fraternidade real, sólida e efetiva, se ela não se apoia sobre uma base inabalável; esta base é a fé; não a fé em tais ou quais dogmas particulares, que mudam com os tempos e os povos,e se atiram pedra, porque se anatematizando, eles mantem o antagonismo; mas a fé em princípios fundamentais que tudo pode aceitar; Deus, a Alma, o futuro,o progresso individual indefinido, a perpetuidade das relações entre os seres. Quando todos o homens estiverem convencidos de que Deus é o mesmo para todos; que esse Deus soberanamente justo e bom, nada pode querer de injusto; que o mal vem dos homens e não dele, eles se olharão como os filhos de um meso pai e estender-se-ão as mãos.

Do livro: A GÊNESE cap: XVII. 17

“Amores Roubados”
Amores roubados, perdidos, trocados. Paixões mal resolvidas, as vezes traídas.
Mais tudo é amor, sentir o calor do beijo gostoso, do amor prazeroso.
Desejos calientes, do corpo da gente trassando em segundos, delírios profundos.
Mas bastou um segundo voltei pro meu mundo, lembrei que’ra sonho, nossos beijos suponho.
Delírios desejos, de apenas um beijo da cor do pecado, tu fostes roubado.
Na verdade razão era apenas uma ilusão, que tu fosses um dia, a minha paixão!

Sales, Anderson Marinho Grajaú-Ma, 17.Janeiro.2014

Jane: É fácil enganar a si mesmo dizendo que as pessoas que você ama são honestas.

The Mentalist - 1 Temporada - Episódio 17

Jane: Eu confio nas pessoas. Confio em você.
Lisbon: Não, não confia. E eu também não confio em você.
Jane: É triste ouvir isso. Não confia em mim mesmo?
Lisbon: Claro que não. Quantas vezes mentiu para mim ou me enganou? Isso é confiança? Não.
Jane: Bem, temos que remediar isso.

The Mentalist - 1 Temporada - Episódio 17

Assassino: Você não tem nenhuma prova legal.
Jane: A prova legal será encontrada, sem dúvida. Mas, pessoalmente, eu não preciso dela. Apenas gosto de saber que estou certo.

The Mentalist - 1 Temporada - Eps 17

Jane: Lisbon, quero que sabia que pode confiar em mim. Independente que aconteça, eu estarei do seu lado. Eu estarei. Preciso que sabia disso.

The Mentalist - 1 Temporada - Episódio 17

Estrada dos Livros.
Uma viagem aos sentimentos
Uma viagem a mundos inexploráveis
Uma Viagem a sabedoria
Uma Viagem ao passado, presente e futuro
Estrada dos Livros, uma estrada que nos leva a lugares inimagináveis.

Júlio Weber Maciel

Vocês ja sabem quem ganhará as eleições? Se não, direi com todo prazer!
Ganhará as eleições, todos aqueles que, todos os meses, depositam um salário mínimo, na conta daqueles eleitores que comprometem-se de ajudá-los em suas campanhas políticas ou apenas, dão uma "pequena contribuição" votando nesses que, financeiramente, os ajudam. Esses pobres coitados que não querem perder esse benefício que lhes é dado todo o mês, vêem-se obrigados a votar naqueles políticos que tem um "bom coração", que "amam ajudar seus povos"- que não são muitos- com um salário MÍNIMO!
Vêem-se obrigados por quê? Por que se seus "homens de garra", "homens que lutam por um país melhor", e que "lutam pela diminuição do sofrimento de seus povos"perderem as eleições, eles perderão sua mixaria de salários, que é recebido a parte!
Quero dar um recado para estes:
Todos os meses vocês recebem R$724,00 desses corruptos, mas perdem a chance de dia frequentarem um hospital público de boa qualidade; uma boa escola pública que seus filhos e netos um dia poderiam frequentar... Estradas melhores...
Só uma observação: esses R$ 724,00, não saem dos bolsos deles! Essa grana saí do seu, do meu, do nosso bolso!!!
Eu acho que por hoje está bom! Boa noite senhores.

Gianiffer Stella

Nós podemos ver as obras das
tuas
mãos amorosas Jesus,
Com esperança e paz, não feito
pelo homem
Quando Você derrama Sua
graça e Sua misericórdia e
estende seus braços para que
então, nós possamos ver
Você sangrou por toda a
humanidade e libertou os
cativos, Jesus...Tu és o
Caminho..

Lovemor

“Est enim amicus secundum opportunitatem suam et non permanebit in die tribulationis [...] Est autem amicus socius mensae et non permanebit in die necessitatis [...] Amicus fidelis protectio fortis; qui autem invenit illum, invenit thesaurum. Amico fideli nulla est comparatio, et non est ponderatio contra bonitatem illius. Amicus fidelis medicamentum vitae, et, qui metuunt Dominum, invenient illum. Qui timet Deum, aeque habebit amicitiam eius, quoniam secundum illum erit amicus illius”

Latin- IRMA

Superação AO Quadrado!
Amar não é para todos. Porque nem todos conseguem superar todos os desafios, todas as barreiras. Nem todos conseguem amar e serem correspondidos. Nem todos escolhem a pessoa certa para amar. Amar não é fácil, não é para todos. Porque no final, as maiorias saem feridas.
A vida em verso e prosa... Somos de capazes acertarem, errar, amar, de superar, surpreender, fazer, acontecer, de nos submeter aos mais diversos momentos da vida, porém jamais deixarmos nossa verdadeira essência de lado.
Amar não é passar a ser super. Herói, perfeito ou santo. Amar é apenas um querer bem, muito bem de alguém e que pode nos levar a ações nobres ou escrotas, na mesma proporção, porque continuamos sendo os mesmos humanos falhos e cheios de manias de sempre...
Do mesmo jeito que eu sei amar incondicionalmente, também sei esquecer e superar. Não é que eu seja fria mas meu futuro é beeem mais importante que qualquer coisa que ficou no meu passado .
Diferença entre Gostar & amar. “Gostar" é quando alguém conhece seu melhor lado e gosta de ti.
"Amar" é quando alguém conhece seu pior lado e ainda quer ficar ao seu lado com todas as dificuldades que tem.

HeyttorGonzalez

Marshall: Sinto falta do meu pai, Ted. Tenho tanta saudade.
Ted: Eu sei.
Marshall: Quando eu era criança, nós passávamos o verão em Upper Peninsula. E todo ano não voltávamos pra cabana até o meio da noite. Então, já estava um breu no meio das árvores. E eu nunca conseguia ver nada a frente dos faróis mas sempre me sentia seguro porque papai estava dirigindo. Ele era de certa forma um super-herói que podia ver bem longe dentro da escuridão. Agora ele se foi. E está totalmente escuro. E não consigo ver onde estou indo. Não consigo ver nada.

How I Met Your Mother - 6 Temporada

eu desejo um milhão de coisas mais só consigo realizar uma, eu tenho que pensar todo dia em como vou te conquistar amanha

Asp Brito

sou defensor de uma nova constituição novas leis mais rígidas , sou a favor de um pais livre onde todos possam acumular capital, sou a favor do clamor do povo sou a favor do povo tomar o senado e a câmara dos deputados na espera federal, sou a favor do povo parar o serviço publico na esfera estadual e municipal, sou a favor de novas eleições

Asp Brito

eu não sou escravo dos meus pensamentos eu faço meus pensamentos escravos de mim mesmo

Asp Brito

Números 17



A vara de Arão floresce

1 O Senhor disse a Moisés:
2 "Peça aos israelitas que tragam doze varas, uma de cada líder das tribos. Escreva o nome de cada líder em sua vara.
3 Na vara de Levi escreva o nome de Arão, pois é preciso que haja uma vara para cada chefe das tribos.
4 Deposite-as na Tenda do Encontro, em frente da arca das tábuas da aliança, onde eu me encontro com vocês.5 A vara daquele que eu escolher florescerá, e eu me livrarei dessa constante queixa dos israelitas contra vocês".
6 Assim Moisés falou aos israelitas, e seus líderes deram-lhe doze varas, uma de cada líder das tribos, e a vara de Arão estava entre elas.
7 Moisés depositou as varas perante o Senhor na tenda que guarda as tábuas da aliança.
8 No dia seguinte Moisés entrou na tenda e viu que a vara de Arão, que representava a tribo de Levi, tinha brotado, produzindo botões e flores, além de amêndoas maduras.
9 Então Moisés retirou todas as varas da presença do Senhor e as levou a todos os israelitas. Eles viram as varas, e cada líder pegou a sua.
10 O Senhor disse a Moisés: "Ponha de volta a vara de Arão em frente da arca das tábuas da aliança, para ser guardada como uma advertência para os rebeldes. Isso porá fim à queixa deles contra mim, para que não morram".
11 Moisés fez conforme o Senhor lhe havia ordenado.
12 Os israelitas disseram a Moisés: "Nós morreremos! Estamos perdidos, estamos todos perdidos!
13 Todo aquele que se aproximar do santuário do Senhor morrerá. Será que todos nós vamos morrer?"

bibliasagrada

juizes 17


Os ídolos do Mica

1 Havia um homem chamado Mica, dos montes de Efraim,
2 que disse certa vez à sua mãe: "Os treze quilos de prata que foram roubados de você e pelos quais eu a ouvi pronunciar uma maldição, na verdade a prata está comigo; eu a peguei".
Disse-lhe sua mãe: "O Senhor o abençoe, meu filho!"
3 Quando ele devolveu os treze quilos de prata à mãe, ela disse: "Consagro solenemente a minha prata ao Senhor para que o meu filho faça uma imagem esculpida e um ídolo de metal. Eu a devolvo a você".
4 Mas ele devolveu a prata à sua mãe, e ela separou dois quilos e quatrocentos gramas, e os deu a um ourives, que deles fez a imagem e o ídolo. E estes foram postos na casa de Mica.5 Ora, esse homem, Mica, possuía um santuário, fez um manto sacerdotal e alguns ídolos da família e pôs um dos seus filhos como seu sacerdote.
6 Naquela época, não havia rei em Israel; cada um fazia o que lhe parecia certo.
7 Um jovem levita de Belém de Judá, procedente do clã de Judá,
8 saiu daquela cidade em busca de outro lugar para morar. Em sua viagem, chegou à casa de Mica, nos montes de Efraim.
9 Mica lhe perguntou: "De onde você vem?"
"Sou levita, de Belém de Judá", respondeu ele. "Estou procurando um lugar para morar."
10 "Fique comigo", disse-lhe Mica. "Seja meu pai e sacerdote, e eu darei a você cento e vinte gramas de prata por ano, roupas e comida."
11 O jovem levita concordou em ficar com Mica, e tornou-se como um dos seus filhos.
12 Mica acolheu o levita, e o jovem se tornou seu sacerdote, e ficou morando em sua casa.
13 E Mica disse: "Agora sei que o Senhor me tratará com bondade, pois esse levita se tornou meu sacerdote".

bibliasagrada

2 samuel 17



1 Aitofel disse a Absalão: "Permite-me escolher doze mil homens e partirei esta noite em perseguição a Davi.
2 Eu o atacarei enquanto ele está exausto e fraco; vou causar-lhe pânico, e seu exército fugirá. Depois matarei somente o rei
3 e trarei todo o exército de volta a ti. É somente um homem que procuras matar. Assim, todo o exército ficará em paz".
4 Esse plano pareceu bom a Absalão e a todas as autoridades de Israel.5 Entretanto, Absalão disse: "Chamem também Husai, o arquita, para que ouçamos a opinião dele".
6 Quando Husai entrou, Absalão lhe disse: "Aitofel deu-nos o conselho dele. Devemos fazer o que ele diz, ou você tem outra opinião?"
7 Husai respondeu: "O conselho que Aitofel deu desta vez não é bom.
8 Sabes que o teu pai e os homens que estão com ele são guerreiros e estão furiosos como uma ursa selvagem da qual roubaram os filhotes. Além disso, teu pai é um soldado experiente e não passará a noite com o exército.
9 Ele, agora, já deve estar escondido numa caverna ou nalgum outro lugar. Se alguns dos teus soldados forem mortos no primeiro ataque, quem souber disso dirá: 'Houve matança no meio do exército de Absalão'.
10 Então, até o mais bravo soldado, corajoso como leão, ficará morrendo de medo, pois todo o Israel sabe que teu pai é um guerreiro valente e que seus soldados são corajosos.
11 "Por isso, dou o seguinte conselho: que se reúnam a ti todos os homens de Israel, desde Dã até Berseba, tantos como a areia da praia, e que tu mesmo os conduzas na batalha.
12 Então o atacaremos onde quer que ele se encontre e cairemos sobre ele como o orvalho cai sobre a terra. Ele e todos os seus homens não escaparão.
13 Se ele se refugiar em alguma cidade, todo o Israel levará cordas para lá, e arrastaremos aquela cidade para o vale, até que não reste ali nem sequer uma pequena pedra".
14 Absalão e todos os homens de Israel consideraram o conselho de Husai, o arquita, melhor do que o de Aitofel; pois o Senhor tinha decidido frustrar o eficiente conselho de Aitofel, a fim de trazer ruína sobre Absalão.
15 Husai contou aos sacerdotes Zadoque e Abiatar o conselho que Aitofel dera a Absalão e às autoridades de Israel, e o que ele mesmo lhes tinha aconselhado em seguida.
16 En­tão pediu que enviassem ­imediatamente esta mensagem a Davi: "Não passe a noite nos pontos de travessia do Jordão, no deserto, mas atravesse logo o rio, senão o rei e todo o seu exército serão extermina­dos".
17 Jônatas e Aimaás estavam em En-Rogel, e uma serva os informava regularmente, pois não podiam arriscar-se a serem vistos na cidade. Eles, por sua vez, iam relatar ao rei Davi o que tinham ouvido.
18 Mas um jovem os viu e avisou Absalão. Então eles partiram rapidamente e foram para a casa de um habitante de Baurim, que tinha um poço no quintal. Eles desceram ao poço,
19 e a dona da casa colocou a tampa no poço. Para disfarçar, espalhou grãos de cereal por cima.
20 Os soldados de Absalão chegaram à casa da mulher e lhe perguntaram: "Onde estão Aimaás e Jônatas?"
A mulher respondeu: "Eles atravessaram as águas". Os homens os procuraram sem sucesso, e voltaram a Jerusalém.
21 Tendo eles ido embora, os dois saíram do poço e foram informar o rei Davi. Falaram-lhe do conselho que Aitofel dera contra ele e lhe disseram que atravessasse imediatamente o Jordão.
22 Então Davi e todo o seu exército saíram e, quando o sol nasceu, todos tinham atravessado o Jordão.
23 Vendo Aitofel que o seu conselho não havia sido aceito, selou seu jumento e foi para casa, para a sua cidade natal; pôs seus negócios em ordem e depois se enforcou. Ele foi sepultado no túmulo de seu pai.
24 Davi já tinha chegado a Maanaim quan­do Absalão atravessou o Jordão com todos os homens de Israel.
25 Absalão havia nomeado Amasa comandante do exército em lugar de Joabe. Amasa era filho de Jéter, um israelita que havia possuído Abigail, filha de Naás e irmã de Zeruia, mãe de Joabe.
26 Absalão e os israelitas acamparam em Gileade.
27 Quando Davi chegou a Maanaim, Sobi, filho de Naás, de Rabá dos amonitas, Maquir, filho de Amiel, de Lo-Debar, e o gileadita Barzilai, de Rogelim,
28 trouxeram a Davi e ao seu exército camas, bacias e uten­sílios de cerâmica e também trigo, cevada, farinha, grãos torrados, feijão e lentilha,
29 mel e coalhada, ovelhas e queijo de leite de vaca; pois sabiam que o exér­cito estava cansado, com fome e com sede no deserto.

bibliasagrada