Amigas da Faculdade

Cerca de 664 frases e pensamentos: Amigas da Faculdade

Na faculdade da vida muitos são reprovados
Muito São aprovados, Mais poucos chega ou nível Maximo
Lembre
O sol e para todos, mais para ter sombra, dependente de você mesmo

Bruno Arcenio

O AMOR
A quem Deus deu
A faculdade de amar
Não subsiste a façanha oposta.
De onde exala o amor,
Não emite ódio.
O perfume que dele exala,
Contagia ao seu redor,
Uma vasta imensidão,
Afasta o ódio e a solidão.

Carmelita O. Itacaramby

Uma faculdade meia boca, pra uma profissão meia boca, pra uma vida meia boca. faz sentido.

Obrigada por me mostrar o meu lugar.

Sayonara T.

Não deixe que as pessoas lhe pressionam com perguntas se vai fazer faculdade ou se casar, quando elas não tem sabedoria que garantam ou provem que suas escolhas são as melhores.

Helgir Girodo

Fiz cinco anos de faculdade e o cliente pensa que o projeto sai em apenas 5 minutos.

Thais Lellis

Para conhecermos a natureza de Deus, necessitamos antes de faculdade mental da qual ainda não possuímos, do contrário... Entraremos em um imenso labirinto de ilusórias possibilidades especulativas, por ora, o que nos é permitido compreender, é a natureza de nossa tristeza e de nossa felicidade e de nossos desencontros mas para tanto; É indispensável viver a vida com fé, não sobreviver nela sem esperança.

Julio Ramos da Cruz Neto

Farisaísmo e o fantasma do quarto 23

Iniciei minhas atividades no segundo ano da faculdade de teologia com a proposta de estagiar num lar para idosos todas as terças feiras pela manhã. O trabalho é simples, de capelania, através do qual eu e mais duas colegas somos desafiadas no contato com as mais diversas necessidades humanas.
Dentro desse ambiente, não pude deixar de notar painéis eletrônicos espalhados pelas dependências principais do lar. Já em meu segundo dia de estágio, percebi que todos piscavam continuamente o número 23. Ao indagar o significado disso, foi-me dito que a finalidade dos painéis era de avisar um morador com necessidades urgentes, chamando enfermeiros. Como o número permanecia piscando por mais de meia hora e nada se fazia, decidimos ir verificar a necessidade do morador do quarto 23.
Qual não foi a nossa surpresa quando nos deparamos com um quarto trancado, vazio. Lá estava uma incógnita. Já que não havia ninguém, por que o painel permanecia piscando esse número?
Interessante notar que a nossa conclusão foi imediata: havia um mal contato nos fios, que mantinha o painel conectado ao quarto 23. Depois virou piada entre as estagiárias, o ‘fantasma do quarto 23’, que usamos com algumas enfermeiras mais tarde, para descontrair.
No mundo natural é muito fácil nos desvencilharmos das aparências para buscar uma explicação mais aprofundada para determinada situação. Parece que o mundo está muito melhor preparado para ir além da superfície do que muitos cristãos.
Jesus abordou o problema da superficialidade em Mateus 23, quando confrontou as multidões a respeito da religiosidade:

1 Então falou Jesus às multidões e aos seus discípulos, dizendo:
2 Na cadeira de Moisés se assentam os escribas e fariseus.
3 Portanto, tudo o que vos disserem, isso fazei e observai; mas não façais conforme as suas obras; porque dizem e não praticam.
4 Pois atam fardos pesados e difíceis de suportar, e os põem aos ombros dos homens; mas eles mesmos nem com o dedo querem movê-los.
5 Todas as suas obras eles fazem a fim de serem vistos pelos homens; pois alargam os seus filactérios, e aumentam as franjas dos seus mantos;
6 gostam do primeiro lugar nos banquetes, das primeiras cadeiras nas sinagogas,
7 das saudações nas praças, e de serem chamados pelos homens: Rabi.
8 Vós, porém, não queirais ser chamados Rabi; porque um só é o vosso Mestre, e todos vós sois irmãos.
9 E a ninguém sobre a terra chameis vosso pai; porque um só é o vosso Pai, aquele que está nos céus.
10 Nem queirais ser chamados guias; porque um só é o vosso Guia, que é o Cristo.
11 Mas o maior dentre vós há de ser vosso servo.
12 Qualquer, pois, que a si mesmo se exaltar, será humilhado; e qualquer que a si mesmo se humilhar, será exaltado.
13 Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque fechais aos homens o reino dos céus; pois nem vós entrais, nem aos que entrariam permitis entrar.
14 [Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque devorais as casas das viúvas e sob pretexto fazeis longas orações; por isso recebereis maior condenação.]
15 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque percorreis o mar e a terra para fazer um prosélito; e, depois de o terdes feito, o tornais duas vezes mais filho do inferno do que vós.
16 Ai de vós, guias cegos! que dizeis: Quem jurar pelo ouro do santuário, esse fica obrigado ao que jurou.
17 Insensatos e cegos! Pois qual é o maior; o ouro, ou o santuário que santifica o ouro?
18 E: Quem jurar pelo altar, isso nada é; mas quem jurar pela oferta que está sobre o altar, esse fica obrigado ao que jurou.
19 Cegos! Pois qual é maior: a oferta, ou o altar que santifica a oferta?
20 Portanto, quem jurar pelo altar jura por ele e por tudo quanto sobre ele está;
21 e quem jurar pelo santuário jura por ele e por aquele que nele habita;
22 e quem jurar pelo céu jura pelo trono de Deus e por aquele que nele está assentado.
23 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque dais o dízimo da hortelã, do endro e do cominho, e tendes omitido o que há de mais importante na lei, a saber, a justiça, a misericórdia e a fé; estas coisas, porém, devíeis fazer, sem omitir aquelas.
24 Guias cegos! que coais um mosquito, e engulis um camelo.
25 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque limpais o exterior do copo e do prato, mas por dentro estão cheios de rapina e de intemperança.
26 Fariseu cego! limpa primeiro o interior do copo, para que também o exterior se torne limpo.
27 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas por dentro estão cheios de ossos e de toda imundícia.
28 Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas por dentro estais cheios de hipocrisia e de iniquidade.
29 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque edificais os sepulcros dos profetas e adornais os monumentos dos justos,
30 e dizeis: Se tivéssemos vivido nos dias de nossos pais, não teríamos sido cúmplices no derramar o sangue dos profetas.
31 Assim, vós testemunhais contra vós mesmos que sois filhos daqueles que mataram os profetas.
32 Enchei vós, pois, a medida de vossos pais.
33 Serpentes, raça de víboras! como escapareis da condenação do inferno?
34 Portanto, eis que eu vos envio profetas, sábios e escribas: e a uns deles matareis e crucificareis; e a outros os perseguireis de cidade em cidade;
35 para que sobre vós caia todo o sangue justo, que foi derramado sobre a terra, desde o sangue de Abel, o justo, até o sangue de Zacarias, filho de Baraquias, que mataste entre o santuário e o altar.
36 Em verdade vos digo que todas essas coisas hão de vir sobre esta geração.
37 Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas, apedrejas os que a ti são enviados! quantas vezes quis eu ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintos debaixo das asas, e não o quiseste!
38 Eis aí abandonada vos é a vossa casa.
39 Pois eu vos declaro que desde agora de modo nenhum me vereis, até que digais: Bendito aquele que vem em nome do Senhor.

Quando Jesus aborda os princípios que agradam a Deus, deixa bem claro que a superficialidade da religião é inútil diante do verdadeiro arrependimento. Sinais externos piscando necessidades da carne, fazendo barulho e chamando a atenção, não representam um verdadeiro relacionamento com Deus e comprometimento com a verdade.
À medida em que nos aproximamos cada vez mais da vida que há em Cristo Jesus e nos submetemos a conhecer cada vez mais Suas Palavras (sem achar que nosso conhecimento básico e superficial vai nos projetar automaticamente para dentro do Reino de Deus), vamos sendo trabalhados em nosso caráter e prioridades.
Precisamos parar de julgar as pessoas pelo que achamos certo ou errado, precisamos parar de piscar nossos sinais de alerta quando uma imagem não se encaixa em nosso padrão de religiosidade. Precisamos deixar de lado essa constante mania que temos de rotular aqueles que nos rodeiam e parar de construir muros ao invés de derrubá-los.
A Igreja é para todos, assim como Jesus veio para os doentes e pecadores. O que a Bíblia deixa em aberto não deve ser a base de nossa fé e relacionamento mútuo. Somos chamados a desmascarar esse fantasma da religiosidade em nosso meio.
Um sepulcro caiado (pintado de cal – branquinho por fora, mas cheio de podridão por dentro) é como o fantasma do quarto 23 – aparenta uma coisa, mas não passa de um quarto vazio com problemas técnicos.

09/08/10

Angela Natel

" Os genios nao precisam da faculdade a faculdade que precisa dos genios "....

rafael biaggi

A vida terrena é um pré-vestibular
da faculdade eterna no Reino do Céu.

Nayara Bortolini

Estou velho demais para ser fisgado...
Na igreja, faculdade, no trabalho, entre amigos, desconhecidos, e até mesmo em casa estão todos jogando um jogo de 'quem venceu'. São todos vencedores ou heróis de uma paranoia ou histeria coletiva, todos eles sabem tudo «discernem tudo», são conquistadores do império das baratas, filhos de algum rei. Mundo novo onde TUDO é TUDO: Tudo é moda, tudo é bom, tudo é possível e tudo é relativo também. Sabichões de uma guerra de petições e processos, residentes de uma dimensão transvirtual. Se para eles todos tem os mesmos direitos e deveres, logo ninguém tem direito, dever ou nenhuma responsabilidade. E como tudo nesse mundo é Deus (panteísmo reconfigurado), logo não há mais deus para julgar ou reprovar nenhuma atitude humana, pois não há deus.
Nem mesmo as mais afoitas expectativas nietzschianas seriam capaz de traduzir um mundo "cão" feito o nosso (que os cães e a sociedade protetora dos animais me desculpem e não me processem), mas até quem se mata está compactuando com os desejos do "outro" de trilhar a sua carne, devorar toda a sua fazenda e bradar: Venci!
Não há quem se preocupe com o próximo, ninguém está realmente próximo nessa sociedade de corruptos, ladrões e assassinos. Pois aqui nessa terra de muitas leis e de nenhuma lei todo poder descende da desgraça alheia. O que é comédia pra um é exatamente o drama de outro. E nisso todos se entendem.
Vieram me perguntar um dia desses porque eu escrevia essas porcarias nas redes sociais e porque haviam umas frases minhas espalhadas por aí, não respondi. Eu quero a mesma coisa que vocês, só que ao contrário. Se danem todos! Não leiam! Mas que nenhum amigo volte a me perguntar "porque eu tenho tantos filhos", "porque eu não quero comprar um carro", "porque eu tenho uma visão tão decadente do mundo", "porque eu não me mato", "porque eu não entro para uma igreja". A resposta já está lá no começo... _Eu estou velho demais para ser fisgado!
E eu faço o que os velhos como eu fazem: resmungo aqui e ali. Acreditem, algumas pessoas escutam e me dão os parabéns, a maioria é claro ainda se pergunta "porque diabos ele não se mata?". Estou velho! Sou dissidente de muitos movimentos, descrente desse amontoado de objetos que intercruzam nossos caminhos, mas choro sozinho todas as noites aos pés de um Deus mais velho que eu, clamando bêbado, em favor de misericórdia, para que minha máquina do tempo seja um pouquinho só acelerada, meus dias abreviados e que a sabedoria desça nem que seja por acidente, para que eu possa ajudar pelo menos aqueles que a ponta dos meus dedos alcançam. Os mais íntimos sabem da minha trajetória teológica, dos dias e noites ante a bíblia, muito antes dos enfadonhos livros de história - essa ficção que se presume realidade. Pra mim qualquer sofrimento ou necessidade humana é mais importante que a maior das intelectualidades. Sou um padre no balcão de um bar num mundo pós-apocalíptico, assistindo a ação do caos, vendo como são hipócritas uns crentes, como são enganados aqueles que se julgam entendedores de alguma coisa... Mas meu olhar está atento naqueles poucos - raríssimos - que se vêem em tamanha miséria que não podem mais pedir ajuda, não podem cruzar a avenida, não podem pedir uma oração, não podem abrir a boca para comer. Desprezo os intelectuais, que se dane essa geração. Sou velho! sou dissentâneo! Mas de puta e bêbado eu entendo bem, me volto para eles, talvez seja essa seja minha vocação: ouvir e chorar com os que «feito eu» aprontaram muito, abusaram, transitaram entre o cio e o ócio, e hoje resmungam baixinho, bem baixinho... consentindo (mesmo que distantes) que esse mundo, essa vida, essas 'sabedoria', essa moda, esse costume, esse entretenimento é desprezível, totalmente desprezível ante a VIDA que também geme lá fora.
"Digo-vos que, se estes [sábios, crentes, poderosos, doutores...] se calarem, as próprias pedras clamarão". Lucas 19:40 A partir de hoje fiquem todos sabendo que eu SOU VELHO e SOU PEDRA.

Francis Cirino

“Assim que concluímos a faculdade, ocorrem os fatos mais importantes da vida. Os iletrados desconhecem a importância dessas experiências por décadas, quando já é tarde demais, pois o lapso de tempo passado não volta, mas apenas a percepção das oportunidades perdidas na juventude”.

Daleck

Posso chegar a ser o melhor aluno da escola, curso ou faculdade, a ser o melhor funcionário ou ser dono da melhor empresa que seja; além de tudo, vou tratar todos do mesmo jeito que comecei do zero. Não sou maior que ninguém, tá ligado?! Posso ser até melhor, pois meu foco, minha força e minha fé, minha vontade de vencer foi mais forte que a do adversário, próximo, oponente... A coragem, lutei e corri atrás do melhor para mim, dei o meu melhor e tive resultados positivos através da minha competência, porém maior não. Nunca maior que ninguém e nem maior ou melhor que Deus! Sacou a pegada?!!!

Guilherme Silva Rocha

No delírio dos gozos da faculdade mental
A formação acadêmica é a heresia
Mais sagaz e muito mais racional
O Mallonnysmo é minha nova liturgia

Mallonny Sonnysteel

Posso não ter faculdade porém não tenho dificuldade,posso não ser tão culto porém não sou incauto.

divanilgarcia

E então começou a faculdade. Me sinto encomodado. Me sinto em um universo que não foi feito pra mim. Tantos enigmas a ser tratados, tantas desconbertas ainda virão. Mas , todos ali de passagem, naquelas idas e vindas que não se cria afinidade. Cheiro de ambição. Ninguém cultiva uma amizade, não pode-se perder tempo. Acredito que a solidão da vida adulta começa nesse momento. Cada um por sí. E vai ser assim, tenho que me acostumar com a ideia.
Mas, não faz muito tempo que acabei meu ensino médio. Um dia desses estava no intervalo de uma aula pra outra da faculdade, e esperei o sinal tocar (não existe sinal) você está ali só, ninguém liga. Virar-se é a solução. É estranho e fascinante, mas ao mesmo tempo assustador. A faculdade é isso. E está certa essa maneira, afinal... temos que criar nosso futuro independente de qualquer pessoa.

SidBass

A chama do conhecimento universal é inevitavelmente alcançada através da faculdade da restrição individual.

Jackson Oliveira

Namoro é como escola, Noivado como faculdade, saberás que esta pronto para o mundo quando se casar.

Cristiano Nascimento

É tanta gente burra entrando na universidade hoje em dia que só falta fundar a Faculdade de Burrologia.

RENÉ SANFERR

"Eu não sou banco e nem fiz faculdade de administração mas se voçê depositar todo seu amor na minha conta...eu te darei o dobro"

Eduardo Fernando