Amiga que Mora longe

Cerca de 1974 frases e pensamentos: Amiga que Mora longe

Pensa
Pensamento
Pra que pensar, nesse momento
Se o coração sabe que você mora aqui dentro
Pensa
Que já faz tempo
E o que ainda tenho
É sentimento
Pensa pensamento
Em quem já se foi, e o que ficou
Se foi como vento

Marcus Patrick Pens

Lá onde a saudade aperta e a dor da nó na garganta, mora um pedacinho do que restou de nós. Eu nunca vou lá.

Nátaly Seckler

A saudade que mais dói é saber exatamente onde a felicidade mora, mas a distância bate a sua porta e diz que, por enquanto, é só saudade.

Karla Moreno

É na sua voz que mora o que meus ouvidos procuram quando eu tô pronta pra dormir. Eu me deito, me ajeito, respiro tentando me concentrar e fecho os olhos na ansia de buscar o sono. Aquele, tranquilo, como quando você tá aqui. Não acho. Mas consigo lembrar que você tem o paladar que combina com as coisas que eu faço pra gente comer. E tem o toque que minha pele necessita pra relaxar. Você faz os melhores comentários, e a gente rima um no outro como se tivéssemos ensaiado antes, mas não, apenas nos encaixamos como peças de um quebra-cabeça. Seria mais um tipo de jogo onde você prova o sal do meu purê ou o açúcar do meu suco de manga. Ninguém perde, os dois ganham. Mais que experiência. É mais uma troca de alegria e algumas manhas que só a gente entende. E eu tô aqui, sentindo uma saudade enorme dessas coisas todas e me perguntando por que é sempre a mesma falta, das mesmas coisas, do mesmo jeito. Tô aqui, numa espécie de pós-você, a garota que era outra antes de te conhecer. Ainda quero ouvir a sua voz, e sentir o toque das suas mãos nos meus ombros num momento qualquer em que você simplesmente olha pra mim e sorri. Quero sim, mais que antes, quando ainda podia te ver antes de dormir e sentar ao seu lado como se fose sempre a primeira vez. Mais que ontem, quando você entrou naquele taxi apressado e pedindo desculpas como se minha dor originasse da falta da despedida. Mais que nunca. Sinto sua ausência e ela me faz ter raiva dos aviões que te levam de volta. Sinto o vazio que você deixou em cada parte desse quarto como se a lágrima que derramo agora fosse limpar as digitais que você deixou em tudo que tocou. Sinto sua falta, e a distância faz desse sentimento o mais presente de todos que tenho aqui.

Karla Moreno

Políticos são tão avarentos que a sombra mora nas mãos...

Claudia Almeida

As palavras que você fala se tornam a casa onde você mora.

LEANDRO COSTA

[...] Mas, Maria! A minha criança mora ao lado. A criança que sou, a criança que tu conhece, a criança que tu se lembra. Do lado ainda sou a mesma, sabes que o tempo me trouxe o cheiro da chuva, lembra? A gente gostava tanto de olhar a chuva pela janela naquela casa cheia de gente, eramos tão criança...Por que agora tudo está ao som de música triste, piano de fundo, voz com dor...Desaprendi o jeito, vou rifar meu violão.

Luana Rodrigues.

Embora minha criatividade goste de inventar tristezas do além, a felicidade mora na minha alma. Não há o que me faça odiar as palavras. Quando livre, sou mais. Perante o domínio do que fazer, do que cumprir, sou meu eu distante. Tendo o meu reencontro apenas na solidão, porém quando não, me encontro em fragmentos diante de cada pessoa. E aceito meu caminhar só, até porque, ironicamente sei que a liberdade “só” se conquista. (...) Com ou sem reticências.

Karina Steck

Não sei quem é ele. Não sei onde mora. Não sei seu nome. Não sei nem ao menos se existe. Ele existe dentro do que planejei. Talvez a gente já se encontrou em alguma festa e eu o evitei, e ele estava com os amigos. Talvez a gente já se encontrou na rua e eu abaixei a cabeça, porque não gostava de encarar as pessoas. Agora, eu as encaro. Sem medo, porque sei que posso achar alguém perdido dentro daquelas pessoas. Quero que me abracem quando o medo chegar. Quero voltar a sonhar com calma com um homem que não seja tão perfeito assim.

Layla Péres

Não está na rima o segredo.
Não é nas palavras bem escolhidas
Que mora a luz da poesia.
Não vem do tempo que a ela foi dedicado,
Nem do sorriso que estampei
Vez por outra ao escrevê-la.
Sua força está num fato,
Que nem mesmo é raro
Ou novo e desconhecido.
É que ela representa a pureza
E a própria existência
Da lembrança de um olhar,
De uma mancha na roupa,
De sinaizinhos no pescoço,
De um andar despreocupado,
(uma fundinha no queixo)
De uma voz,
De uma lágrima durante a despedida,
Da própria inadequada despedida,
De uma saudade que persiste,
De um amor distante e inesperado,
De um desejo que em si mesmo não acredita,
De algum inquietante sentimento
Que o autor nutre.
Se ele é verdadeiro ou não tanto faz.
Se é certo ou errado, irrelevante.
E pouco me importa os remédios que você toma
Ou se dizer isso fará algum sentido.
A poesia só quer saber,
E só quer te mostrar,
Que um sentimento lindo existe.

Gooldemberg Saraiva

O amor conceitual mora à distância do real...

Josyas

Saudade é onde mora nosso descanso, as vezes é um lugar, outrora é uma pessoa.

George Huxcley

DIVINDADE

Vossa Divindade mora ao lado.
Brinca com vossos filhos,
Sorri-vos sorrisos de lírios e rosas,
Censura-vos em raios de tempestade
E vos acaricia em brisas de mar.

Vossa Divindade cavalga nuvens brandas,
Aproxima-se no relâmpago,
E vos abraça na chuva.
Vagueia por prados e campos,
Conversa com árvores e pássaros,
E através de todos,
Sorri para a humanidade.

Ouça, pois, vossa Divindade:
|Não comprarás vosso céu,
Com o quinhão que vos sobra,
Pois na verdade nada vos sobra,
Pois nada vos pertence.

Terás efetivamente repartido vosso pão
Quando deres de ti mesmo
Em prol da justiça social.
A distinção e a discriminação
Não habitam a morada de vosso Pai.

Lembrai-vos de que:
A esmola e a justiça,
Não são irmãs e não repousam
À sombra de uma mesma palmeira.

José Marcos Barbosa

Você mora em meus pensamentos e desatina o meu coração desejando os meus contemplamentos esperando uma doce paixão;
Eu quero te satisfazer dando o meu melhor, saciando o teu querer te erguer para que nunca mais possa me esquecer;
Me inspiro no teu céu, me fortaleço no teu mar sou importância das suas noites e tudo que você pode amar;

Julio Aukay

Acho que a cura da humanidade mora do outro lado de nossas procuras, que são sempre as mais infelizes.

Demétrio Sena - Magé-RJ.

O perigo mora ao lado de todos os caminhos que percorremos, por isso é preciso acostumar-se a conviver com eles.

Paulo Roberto Avelino de Oliveira

Tem gente que se preocupa

Com gente que não mora,

Apesar de ser chamado de "morador de rua"

Porque quem mora, mora num lar, numa moradia...

Tem gente que se preocupa com o outro, com a comida do outro.

Tem gente que todos os dias dividem seu alimento, sua roupa, seu amor,

Com gente que precisa com gente que não mora.

Mesmo sendo chamado de "morador de rua...”

Essa gente que se coloca no lugar do outro,

Sem esperar por reconhecimento, sem esperar recebimento

Dá e divide de coração limpo, de alma limpa!

Essa gente sim deita a cabeça no travesseiro

E dorme o sono dos justos, dos solidários, dos abençoados.

Essa gente é gente que a gente pretende e um dia vai ser!

Essa gente são Anjos vestidos de Gente!

Maykira

Ser pobre não ser miserável, assim como quem mora em favela não é bandido...

Julio Aukay

Você é quem mora na parte mais sagrada do meu coração.
(josé valdir pereira)

jose valdir pereira

A saudade faz com que eu lembre que ela não mora mais aqui...

Julio Aukay