Agressividade

Cerca de 40 frases e pensamentos: Agressividade

Na falta de argumento a ignorância usufrui da agressividade e da ofensa como modo de ataque.

agni shakti

Que nojo!
Tanta injustiça, tanta agressividade.
As pessoas estão cada vez mais intolerântes e insignificantes.
Ninguém respeita ninguém,
não respeitam o espaço do outro.
É como nós, humanos, nos igualássemos à animais irracionais.
Agimos sem pensar,
é como se vivessemos em outro tempo,
outra vida,
sem normas de educação e de sociedade.
O mundo tornou-se um buraco negro, sem fundo,
e pequeno demais para tantos,
causando tanta desavenças;
O que me resta apenas,
é respeitar e seguir minha índole...
Pois respeito se ganha com respeito!
Espero que essa atitude seja seguida,
espero que um dia as pessoas voltem-se para si próprios e parem de cuidar dos outros!

Leticia Bueno

“A agressividade é uma forma de mascarar a fraqueza”

The Secret

"Nunca imaginei que o amor ao próximo e a agressividade morassem na mesma casa. Nunca pensei que a paz e a guerra habitavam no mesmo ser humano."

O Vendedor de Sonhos - Augusto Cury

Por trás da virilidade, da potência e da agressividade, há um homem frágil e inseguro que camufla seus sentimentos pelo medo de ser incompreendido.

Rogério Thaddeu

A razão é composta pela coerência, a ignorância é constituída pelo absurdo, pela agressividade e a pela injúria.

agni shakti

Boxe não é agressividade, é movimentação

Maxwell Salgado

Sabem quais são meus sonhos? Vou te contar ver um planeta limpo, sem agressividade que vem sofrendo atualmente, a era do gelo esta chegando, tudo esta acabando e o homem? Há coitado esta preocupado em encher seus bolsos, e o pobre, cada vez mais pobre e o rico cada vez mais rico. A nossa sociedade é muito hipócrita, dita leis etc... Mas no real nada apenas a fantasia graças Impressa prevalece, que pena que os homens de hoje não se conscientizam que um dia toda beleza da natureza terrestre vai desaparecer, como muitas espécies já se foram, só falta o homem descobrir outra galáxia e tentar se mudar pra lá, isto não é fantasia a NASA, já estuda isto há muito tempo... Que pena não valoriza nossa mãe terra, que futuro nossas gerações terão...

wilson de Oliveira Vieira

Tenho uma ciumeira que quando se mistura com a esquizofrenia da minha agressividade, não sabe que voz seguir. Fico cega, surda e nada muda. Ele sabe a doida que tem e o que faço para defender o meu território. Não sou nada sofisticada, nem com palavras, nem quando quero descer do salto. Sou agressiva e uma barraqueira de primeira. Não mexa com homem meu. Não mexa com os meus pensamentos porque esses vão longe. Muita mulher fica dando uma de muita educada, muito cheia de si, metida a gostosa e esquece que o fumo entra. O meu macho come no miúdinho e se for pra meter lenha, que seja bem metido e que tenha bastante medo da fera aqui descobrir. Comigo a cobra fuma e a idade da pedra vem com tudo e bem lascada. Sou é nordestina, muito da arrochada e decidida. O meu Jota Cê é totalmente sufocado pelo amor velho de guerra. Ele respira o oxigênio contagioso de uma mulher que entrou em tudo que é canto e sem vasilina. Ele aprende na sabedoria das páginas da minha vida.



Em tempo:



Ele é o marido que minha alma elegeu...

... para dividir a comunhão universal dos degraus...

... da minha alegria.



[e quem se meter a besta, eu mostro o caminho]




~*Rebeca*~


-

Rebeca - Néctar da Flor

Essa sua agressividade me deixa violento, na hora de bater na velocidade de que você gosta, que viver pra ouvir seus ais é exigir o paraíso sempre. Sabe o que é sem condição? É você nessa pilantragem toda, me fazendo imaginar toda essa vagabundagem, que a gente não cansa de escrever, muito menos de fazer, e fica atiçando aquele meu tesão gostoso que sempre começa nos seus meios e termina onde tudo abre. Você é uma gostosa dos infernos, me faz perder o juízo, rebola gostoso na ponta do que me enlouquece e de quebra me faz um carinho depois que gozo...

... loucura de mulher, vem quente que te fervo na hora!



Jota Cê


-

Jota Cê - Néctar da Flor

MENTIRAS

Não suporto perversidade,
Nem tão pouco maus tratos.
Não suporto agressividade,
Nem tão pouco falsidade.
Não suporto desagravo,
Nem tão pouco humilhação.
Não suporto fingimento,
Nem tão pouco desacato.
Não suporto bater,
Nem tão pouco apanhar.
Não suporto desatinos,
Nem tão pouco suas consequências.
Não suporto falsas palavras
E nem tão pouco grandes MENTIRAS.
Por isso, não diga mais nada
Porque de minha parte, a partir de agora,
Prefiro ficar calada

Rosa Berg

O mundo que chamamos de competitivo, na verdade foi desenhado pela agressividade comercial, amparado por um marketing esperto e nem sempre honesto, para poder gerar impulsos de decisões de compra."

Sérgio Dal Sasso

A agressividade não resolve nada, tudo é melhor com paz e calma.

Nathan Monte

O Tango é a dança na qual todos deveríamos saber dançar, ela expressa a agressividade , a seriedade e o principal a ética em uma sociedade moderna!

Vanderson Dapper

Liberdade de expressão não é sinônimo de agressividade e falta de educação...
Liberdade de expressão é falar sobre o que pensa de forma clara e objetiva...
Sem precisar enfiar o que pensa goela abaixo de ninguém...
Esta atitude tem outro nome ela se chama prepotência,
grosseria e má educação...

Marise Muniz

A AGRESSIVIDADE DO HOMEM PROVÉM DA ÉPOCA ATLANTE…PORQUÊ?
RAZÕES PARA SE TORNAR VEGETARIANO OU NATURISTA
A Mestra H. Blavatsky e sua discípula Annie Beseant explicaram em vários escritos que a agressividade do Homem nasceu a partir da altura em que foi necessário que o homem se tornasse carnívoro para que o corpo que nos serve de veículo passasse da matéria astral…de que era composto…. para uma matéria densa, que hoje compõem os nossos corpos, com a finalidade de habitarmos o mais denso dos planos….ESTE NOSSO PLANO FISICO.
Este facto ocorreu na parte final da raça lemuriana, na era de transição do astral para o fisico.
Este facto é de extrema importancia porque.....
até que seja compreendida a conexão que existe entre o alimento do homem e a sua natureza, não será possivel a ninguém ...
"controlar as paixões e erradicar de si a selvajaria.
e por isso, não poderá haver paz duradoura, nem terminar a agressividade,
esta é uma afirmação dos Mestres.
Utilizando os antigos ensinamentos, que os nossos Seres de Luz deixaram aqui na Terra, através do trabalho dos seus discípulos, podemos efectuar uma verificação e compreender a causa que está actuando sobre o comportamento agressivo de uma elevada percentagem da população mundial.
Outra parte da população mundial deseja vivamente a cessação das hostilidades, e luta de muitas maneiras, para arranjar forma de alcançar – uma paz duradoura e um Bem-Estar Mundial.
Mas para alcançar tão almejado fim é necessário compreender a causa de tanta hostilidade, que muitas vezes está encoberta por um ténue verniz de civilização, que estala e explode como um vulcão destruidor.
É preciso saber que “a causa” de tudo isso…… está há milhões de anos assaltando o organismo humano,….. tornando o homem cego para a causa fundamental da sua agressividade para com os outros.
Vamos conhecer essa causa; saber que ela provoca sofrimento a outros seres conscientes; e sentir que se deve pôr fim a ela. Para isso, vamos recuar ao limiar da nossa existência mas já como ser humano:
NO LIMIAR DA EXISTÊNCIA HUMANA ERA ASSIM
No obscuro limiar da existência, o homem em formação, laborava sob a orientação directa das Divinas Hierarquias que o guiavam no caminho da evolução.
Era-lhe dado “ALIMENTO ADEQUADO” para desenvolver os seus vários veículos (corpos) de maneira ordenada, sistemática, para que, no devido tempo, esses diferentes corpos se tornassem um instrumento completo que servisse de TEMPLO a um espírito para que pudesse habitar nele e aprender a lição de vida, através de uma série de renascimentos nesses corpos terrestres, preparados para o efeito.
EXISTEM CINCO GRANDES ESTÁGIOS OU ÉPOCAS NA JORNADA EVOLUCIONÁRIA DO HOMEM SOBRE A TERRA
Primeira ou ÉPOCA POLAR
Na Primeira, ou Época Polar, o homem actual era apenas um “CORPO DENSO” (mineral), como são os minerais de hoje. Portanto, “ele era como um mineral”, por isso, descodificando os símbolos da Bíblia, - ela diz que "Adão” foi formado da terra" .
Segunda ou ÉPOCA HIPERBÓREA
Na segunda, ou Época Hiperbórea, foi-lhe acrescentado um CORPO VITAL (etérico) feito de ÉTER.
A partir daqui, o homem em formação passou a possuir então um CORPO CONSTITUÍDO COMO O DAS PLANTAS ACTUAIS, - mas NÃO era como uma PLANTA.
Caim, o homem dessa época, é descrito como um agricultor, E A SUA ALIMENTAÇÃO provinha exclusivamente de vegetais, pois as plantas contêm mais éter do que qualquer outra estrutura.
Terceira ou ÉPOCA LEMURIANA
Na Terceira, ou Época Lemuriana, o homem desenvolveu o CORPO DOS DESEJOS, (corpo astral) um veículo gerador de paixões e emoções, e passou a ser CONSTITUÍDO COMO OS ANIMAIS.
O leite, um produto dos animais vivos, foi acrescentado à sua alimentação, pois esta substância facilmente produz emoções. Abel, o homem dessa época, é descrito como um pastor, mas não há nenhuma evidência que ele tenha matado qualquer animal para alimentar-se.
Quarta ÉPOCA...a ATLANTE
Na quarta, ou Época Atlante, A MENTE DESABROCHOU E O CORPO TORNOU-SE O TEMPLO DE UM ESPIRITO QUE NELE PASSOU A HABITAR – o homem tornou-se, um ser pensante.
MAS O PENSAMENTO DESGASTA AS CÉLULAS NERVOSAS; MATA, DESTRÓI E CAUSA DECADÊNCIA. (ainda hoje sentimos que isso é verdadeiro)
Portanto, O NOVO ALIMENTO DOS ATLANTES TEVE DE SER COMPOSTO POR CARNE DE ANIMAIS.
Eles matavam para comer, e, por isso, a Bíblia descreve o homem dessa época como Nimrod, um poderoso caçador.
POR CAUSA DA UTILIZAÇÃO DESSES ALIMENTOS, o homem mergulhou cada vez mais fundo na MATÉRIA.
Tudo isto faz parte do plano de Deus sobre a Terra, o homem tinha de descer á máxima Involução, para depois começar a sua Evolução.
O seu CORPO, outrora ETÉRICO, formou dentro de si um esqueleto, tornando-se sólido.
Ao mesmo tempo, foi PERDENDO a sua PERCEPÇÃO ESPIRITUAL, mas a lembrança do céu permaneceu nele, pois sabia estar exilado de seu verdadeiro lar, o mundo celestial.
Quinta a ÉPOCA ÁRIANA
Na quinta a Época Ariana, tudo foi preparado para fazer o homem esquecer que estava exilado.
****para fazê-lo esquecer esse fato e o obrigar dedicar sua atenção exclusivamente à conquista do mundo material,...
...foi nesta Época Áriana, --- introduzido um novo elemento no seu regime alimentar---
o vinho.
Pelos "necessários efeitos", provocados pelo espírito do álcool.....
durante os milénios que se passaram,
desde que o homem surgiu vindo da Atlântida,
as mais evoluídas raças humanas passaram a ser as mais ateístas e materialistas.
Os Tratados afirmam que: -
quem nunca provou uma só gota de álcool em sua vida, não deixa, por isso, de estar usando um corpo alcoolizado, que descende de ancestrais que por milénios se entregaram à bebida, sem comedimento.
***Portanto, os átomos que compõem actualmente os corpos do Ocidente são incapazes de vibrar na medida necessária para a percepção dos mundos invisíveis, como ocorria antes que o vinho fosse acrescentado à alimentação humana. ***
O mesmo acontece com o alimento CARNE, que instalou nas células do corpo físico a natureza feroz de seus ancestrais carnívoros de milhões de anos, e que faz o homem continuar a deliciar-se com esse alimento.
Assim, o efeito da introdução da carne está firmemente implantado e arraigado nas pessoas, mesmo nas que agora não a consomem.
Não nos admiremos pois, que aqueles que ainda apreciam a carne e o vinho extravasem, às vezes, uma perversa selvajaria e exibam uma ferocidade incontida contra qualquer dos sentimentos superiores, supostamente acalentados durante séculos por uma, assim chamada, civilização.
Enquanto os homens continuarem a reprimir o espírito imortal dentro de si, por apreciarem a carne e o enganador espírito do álcool, nunca haverá paz duradoura na Terra.
A ferocidade inata produzida por estes alimentos, de vez em quando virá à tona e arrebatará num turbilhão de selvajaria, numa cruel carnificina que aumentará em proporção ao desenvolvimento da inteligência do homem, o que o habilitará a conceber com sua mente superior, métodos de destruição selvagem, mais diabólicos do que qualquer um já testemunhado.
Como prova, deve ser mencionado, a bem conhecida agressividade das feras e a crueldade dos povos antropófagos. Por outro lado, a força prodigiosa e a natureza dócil do boi, do elefante e do cavalo, mostra o efeito da dieta herbívora nos animais. As nações vegetarianas e pacíficas do Oriente são uma prova do argumento contra uma dieta de carne, facto que não pode ser negado.
No passado, o consumo da carne encorajou a baixa inventividade humana; serviu a um propósito de nossa evolução, mas agora estamos no limiar de uma nova era, quando abnegação e o serviço trarão à humanidade um desenvolvimento espiritual.
*****A evolução da mente nos trará uma sabedoria profunda, que está além de nossa concepção. Contudo, antes que nos tornemos dignos de confiança para receber essa sabedoria, devemos tornar-nos inofensivos como pombas, pois, do contrário, seremos capazes de usa-la para propósitos tão egoístas e destrutivos que seria uma ameaça inconcebível para nossos semelhantes.
Para evitar isso, a dieta vegetariana deve ser adoptada.******
Mas há vegetarianos e vegetarianos.
Actualmente na Europa há condições que obrigam o povo a abster-se de carne por um longo tempo. Estes não são verdadeiros vegetarianos, pois desejam ardentemente comer carne e acham sua escassez uma grande privação e sacrifício.
Obviamente este não é o tipo de vegetarianismo que necessitamos agora.
Há outros que se abstêm de carne por motivo de saúde; seu motivo é egoísta, e muitos dentre eles provavelmente se consomem interiormente por não satisfazerem o seu apetite. A sua atitude mental também não é a de abolir a ferocidade com rapidez.
Mas há uma terceira classe capaz de compreender que toda vida pertence a Deus e que causar sofrimento a qualquer ser consciente é errado. Sendo assim, eles se abstêm do uso de carne como alimento, unicamente por compaixão.
Estes são os verdadeiros vegetarianos, e é óbvio que uma guerra mundial nunca poderia ser travada por pessoas com essa mentalidade.
Todos os verdadeiros cristãos deverão abster-se de carne por motivos semelhantes.
Então, será um fato real a paz na Terra e a boa vontade entre os homens.
As nações transformarão suas espadas em arados e suas lanças em podadeiras para que cessem de causar morte, tristeza e sofrimento e se tornem instrumentos para propiciar vida, amor e felicidade.
Nossa própria segurança, a segurança de nossos filhos, e até a segurança da raça humana, obrigam-nos a entender os comoventes apelos em favor de nossos amigos animais
Tornemo-nos na voz daqueles que não falam; deixemos que eles falem através de nós para o mundo conhecer nossos esforços e nossa contribuição para o BEM DE TODA A TERRA E DOS SEUS QUATRO REINOS, pelos quais somos, aqui, responsáveis.
MariaHelena Guerra
que a luz brilhe em todos os corações.
Postado por

Maria Helena Guerra em 8 novembro 2013 às 16:00

Por trás da virilidade, da potência e da agressividade, há um homem frágil e inseguro, mas amor é justamente isso, é ficar inseguro, é ter aquele medo de perder a pessoa todo dia, é ter medo de se perder todo dia. É Tu te teres mergulhado, num mar imenso!!
Inseguro,
Mas Gritando
Sou puro, amo-te.

Joaquim Silva

Não demonstre fraqueza:
-A fraqueza atrai agressividade contra você!
A melhor defesa é o ataque.

Ralf Daniel

inveja,
raiva,
agressividade...
Temos tantos sentimentos primários
que eles têm até nomes

Kiko Arquer

A agressividade é uma tentativa inconsciente de esconder as vulnerabilidades.

Eduardo de Paula Barreto