Afinidade

Cerca de 121 frases e pensamentos: Afinidade

… Tanta afinidade assim, eu sei que só pode ser bom

Tiê

Sentimentos nasceram...
De uma afinidade sem igual..
Olhares,conversas,segredos,descobertas...
Tudo isso acarretou ao descobrimento de um novo sentimento..
Algo novo que esta florescendo e aumentando cada vez mais e mais...
E todo o insntate que estou vivendo agora ta se tornando tão mágico
Vc vem a minha cabeça e pensamentos voam de encontro ao teu..
So queria te ter ao meu lado apenas mais um instante..
´q vc ta tornando tudo tão lindo..
E tudo ta tão perfeito so quero te dizer..
Q o q sinto inda não da pra explicar..
So seiq é algo mto forte..
Algo mais forte q já senti...
Te gosto tanto..
Vem cuidar d emim,preciso de teu carinho de teu amor..
Pois eu so sei quere vc !!

Geisy Lemos

"Afinidade está em conversar a dois e, em comum, chegar a um entendimento. Essa, sem dúvida, é a certeza do crescimento, do amadurecimento pessoal, gerado pelo encontro dos lábios ao longo dos dias... Amor de pele."

João Vitor Rocha

"eu ainda acredito pra se construir uma relação deve haver mais do que afinidade, deve haver respeito, liberdade e AMOR."

Maga.Vito

Não é questão de beleza, mas de afinidade e sincronia. Beleza é apenas interpretação.

André Felipe Vieira

"Bial, meu voto vai para a segunda-feira. Por questão de afinidade mesmo, ta difícil conviver com ela toda semana".

kkkk bom dia!

Fernanda Mello

Uma outra coisa que todos devíamos aprender é que existem pessoas com muita afinidade conosco e outras que não são tanto assim, então devemos da o direito de escolha, sabendo que sempre escolhemos e somos escolhidos em qualquer lugar ou situação que seja. Essa é a beleza da vida, da liberdade de nosso livre árbitro.Mas devemos nos lembrar que colheremos o que semeamos... =)

Cristian Julberto

" Afinidade, quando duas almas se encontram, e dançam uma unica música, pro resto de suas vidas "

Pâmella Ferracini

Se não houver reciprocidade, não há afinidade.

Washington (Was)

As diferenças não fazem sombras quando há afinidade de nobrezas da alma!

Du Amaral

As verdadeiras, sinceras e duradouras relações são embasadas pela lei da afinidade, sendo esta, atração nos mais variados campos da existência; físico, mental e espiritual.

Du Amaral

Não me importo com o fim do mundo. Por mim pode tudo explodir, eu não tenho mínima afinidade com a humanidade. Mas então, eu lembro de você. E por mais que estivéssemos condenados, eu ainda assim tentaria lhe salvar.

Daphny Souza

Caminharemos lado a lado
Uma questão de afinidade

Forfun

Afinidade não se explica; amizade não se força; confiança não se obriga e, sentimento não se controla!

Jean Charles Rinelli

Quando há afinidade, qualquer reencontro retoma a relação, o diálogo, a conversa, o afeto no exato ponto em que foi interrompido.

Afinidade é não haver tempo mediando a vida. É uma vitória do adivinhado sobre o real. Do subjetivo para o objetivo. Do permanente sobre o passageiro. Do básico sobre o superficial.
Ter afinidade é muito raro, mas quando existe não precisa de códigos verbais para se manifestar.

Existia antes do conhecimento, irradia durante e permanece depois que as pessoas deixaram de estar juntas. O que você tem dificuldade de expressar a um não afim, sai simples e claro diante de alguém com quem você tem afinidade.

Afinidade é ficar longe pensando parecido a respeito dos mesmos fatos que impressionam,comovem ou mobilizam. É ficar conversando
sem trocar palavras. É receber o que vem do outro com aceitação anterior ao entendimento.

Afinidade é sentir com. Nem sentir contra, nem sentir para, nem sentir por, nem sentir pelo. Quanta gente ama loucamente, mas sente contra o ser amado. Quantos amam e sentem para o ser amado,
não para eles próprios. Sentir com é não ter necessidade de explicar o que está sentindo. É olhar e perceber. É mais calar do que falar, ou, quando é falar, jamais explicar: apenas afirmar.

Afinidade é jamais sentir por. Quem sente por, confunde afinidade com masoquismo. Mas quem sente com, avalia sem se contaminar. Compreende sem ocupar o lugar do outro. Aceita para poder questionar. Quem não tem afinidade, questiona por não aceitar.

Afinidade é ter perdas semelhantes e iguais esperanças. É conversar no silêncio, tanto nas possibilidades exercidas quanto das impossibilidade vividas.

Afinidade é retomar a relação no ponto em que parou sem lamentar o tempo de separação. Porque tempo e separação nunca existiram.
Foram apenas oportunidades dadas (tiradas) pela vida, para que a maturação comum pudesse se dar.

E para que cada pessoa pudesse e possa ser, cada vez mais a expressão do outro sob a forma ampliada do eu individual aprimorado

Desconhecido

Afinidade não se explica, amizade não se força, confiança não se obriga e sentimento não se controla

Vanessa Pimentel

AFINIDADE

A afinidade não é o mais brilhante, mas o mais sutil,
delicado e penetrante dos sentimentos.
O mais independente.

Não importa o tempo, a ausência, os adiamentos,
as distâncias, as impossibilidades.
Quando há afinidade, qualquer reencontro retoma a relação,
o diálogo, a conversa, o afeto, no exato ponto em que foi interrompido.
Afinidade é não haver tempo mediando a vida.

É uma vitória do adivinhado sobre o real.
Do subjetivo sobre o objetivo.
Do permanente sobre o passageiro.
Do básico sobre o superficial.
Ter afinidade é muito raro.

Mas quando existe não precisa de códigos verbais para se manifestar.
Existia antes do conhecimento, irradia durante e permanece depois
que as pessoas deixaram de estar juntas.
O que você tem dificuldade de expressar a um não afim, sai simples
e claro diante de alguém com quem você tem afinidade.

Afinidade é ficar longe pensando parecido a respeito dos mesmos
fatos que impressionam, comovem ou mobilizam.
É ficar conversando sem trocar palavra.
É receber o que vem do outro com aceitação anterior ao entendimento.

Afinidade é sentir com.
Nem sentir contra, nem sentir para, nem sentir por, nem sentir pelo.
Quanta gente ama loucamente, mas sente contra o ser amado.
Quantos amam e sentem para o ser amado, não para eles próprios.

Sentir com é não ter necessidade de explicar o que está sentindo.
É olhar e perceber.
É mais calar do que falar.
Ou quando é falar, jamais explicar, apenas afirmar.

Afinidade é jamais sentir por.
Quem sente por, confunde afinidade com masoquismo.
Mas quem sente com, avalia sem se contaminar.
Compreende sem ocupar o lugar do outro.
Aceita para poder questionar.
Quem não tem afinidade, questiona por não aceitar.

Só entra em relação rica e saudável com o outro,
quem aceita para poder questionar.
Não sei se sou claro: quem aceita para poder questionar,
não nega ao outro a possibilidade de ser o que é, como é, da maneira que é.
E, aceitando-o, aí sim, pode questionar, até duramente, se for o caso.
Isso é afinidade.
Mas o habitual é vermos alguém questionar porque não aceita
o outro como ele é. Por isso, aliás, questiona.
Questionamento de afins, eis a (in)fluência.
Questionamento de não afins, eis a guerra.

A afinidade não precisa do amor. Pode existir com ou sem ele.
Independente dele. A quilômetros de distância.
Na maneira de falar, de escrever, de andar, de respirar.
Há afinidade por pessoas a quem apenas vemos passar,
por vizinhos com quem nunca falamos e de quem nada sabemos.
Há afinidade com pessoas de outros continentes a quem nunca vemos,
veremos ou falaremos.

Quem pode afirmar que, durante o sono, fluidos nossos não saem
para buscar sintomas com pessoas distantes,
com amigos a quem não vemos, com amores latentes,
com irmãos do não vivido?

A afinidade é singular, discreta e independente,
porque não precisa do tempo para existir.
Vinte anos sem ver aquela pessoa com quem se estabeleceu
o vínculo da afinidade!
No dia em que a vir de novo, você vai prosseguir a relação
exatamente do ponto em que parou.
Afinidade é a adivinhação de essências não conhecidas
nem pelas pessoas que as tem.

Por prescindir do tempo e ser a ele superior,
a afinidade vence a morte, porque cada um de nós traz afinidades
ancestrais com a experiência da espécie no inconsciente.
Ela se prolonga nas células dos que nascem de nós,
para encontrar sintonias futuras nas quais estaremos presentes.
Sensível é a afinidade.
É exigente, apenas de que as pessoas evoluam parecido.
Que a erosão, amadurecimento ou aperfeiçoamento sejam do mesmo grau,
porque o que define a afinidade é a sua existência também depois.

Aquele ou aquela de quem você foi tão amigo ou amado, e anos depois
encontra com saudade ou alegria, mas percebe que não vai conseguir
restituir o clima afetivo de antes,
é alguém com quem a afinidade foi temporária.
E afinidade real não é temporária. É supratemporal.
Nada mais doloroso que contemplar afinidade morta,
ou a ilusão de que as vivências daquela época eram afinidade.
A pessoa mudou, transformou-se por outros meios.
A vida passou por ela e fez tempestades, chuvas,
plantios de resultado diverso.

Afinidade é ter perdas semelhantes e iguais esperanças,
é conversar no silêncio, tanto das possibilidades exercidas,
quantos das impossibilidades vividas.

Afinidade é retomar a relação do ponto em que parou,
sem lamentar o tempo da separação.
Porque tempo e separação nunca existiram.
Foram apenas a oportunidade dada (tirada) pela vida,
para que a maturação comum pudesse se dar.
E para que cada pessoa pudesse e possa ser, cada vez mais,
a expressão do outro sob a forma ampliada e
refletida do eu individual aprimorado.

Arthur da Távola

Entre conversas nas madrugadas
mensagens trocadas
confiança e afinidade sem explicação
eu já te queria sim, embora achasse que não

Por algumas vezes eu te vi triste
e eu quis muito te abraçar
talvez tenha até abraçado
mas ainda doía ver teu olhar

E eu fui ficando por ali
não deixando você perceber
que quando tu estavas perto de mim
sentia um grande carinho por você

Mas você era só uma amiga
e era assim que eu sentia o teu olhar
o olhar de uma amiga pra uma amigo
que só quer mesmo conversar

E foi numa das nossas brincadeiras
que a gente tropeçou (kkk)
que rolou o primeiro clima
e o meu sorriso despertou

E aquele primeiro beijo
eu nunca vou esquecer
não era só um beijo de desejo
era o desfecho do meu querer por você.

desc.

Ter afinidade com alguém é uma luta dura para quem se fecha em sim mesmo(a.

José Fábio Torres Pereira

“Nenhuma afinidade nasce por decreto e isto é maravilhoso. Mas, diante da impossibilidade de escolha, emerge uma encolha (em potencial) ou um sempre teste de firmeza.”

Luiselza Pinto