Adolescência

Cerca de 160 frases e pensamentos: Adolescência

A vida do homem divide-se em cinco períodos: infância, adolescência, mocidade, virilidade e velhice. No primeiro período o homem ama a mulher como mãe; no segundo, como irmã; no terceiro, como amante; no quarto, como esposa; no quinto, como filha.

Pierre-Joseph Proudhon

O meu fim evidente era atar as duas pontas da vida, e restaurar na velhice a adolescência. Pois, senhor, não consegui recompor o que foi nem o que fui. Em tudo, se o rosto é igual, a fisionomia é diferente. Se só me faltassem os outros, vá; um homem consola-se mais ou menos das pessoas que perde; mas falto eu mesmo, e esta lacuna é tudo. O que aqui está é, mal comparando, semelhante à pintura que se põe na barba e nos cabelos, e que apenas conserva o hábito externo, como se diz nas autópsias; o interno não aguenta tinta. Uma certidão que me desse vinte anos de idade poderia enganar os estranhos, como todos os documentos falsos, mas não a mim. Os amigos que me restam são de data recente; todos os antigos foram estudar a geologia dos campos-santos. Quanto às amigas, algumas datam de quinze anos, outras de menos, e quase todas crêem na mocidade. Duas ou três fariam crer nela aos outros, mas a língua que falam obriga muita vez a consultar os dicionários, e tal frequência é cansativa.
Entretanto, vida diferente não quer dizer vida pior; é outra coisa. A certos respeitos, aquela vida antiga aparece-me despida de muitos encantos que lhe achei; mas é também exato que perdeu muito espinho que a fez molesta, e, de memória, conservo alguma recordação doce e feiticeira. Em verdade, pouco apareço e menos falo. Distrações raras. O mais do tempo é gasto em hortar, jardinar e ler; como bem e não durmo mal.

Machado de Assis

Acorde!
Não fique protegendo-se de frustrações
só porque seu grande amor
da adolescência não deu certo. (…)
Não enviuve de si mesmo,
ninguém morreu!

Tati Bernardi

Marge e Homer na adolescencia..
Homer: vamos dar uma volta gatinha...
Marge: Ó Homer eu não posso tenho prova de matematica
Homer: A unica matematica que eu conheço é; eu + você = para sempre.

Homer Simpson

quando eu tiver setenta anos
então vai acabar esta minha adolescência

vou largar da vida louca
e terminar minha livre docência

vou fazer o que meu pai quer
começar a vida com passo perfeito

vou fazer o que minha mãe deseja
aproveitar as oportunidades
de virar um pilar da sociedade
e terminar meu curso de direito

então ver tudo em sã consciência
quando acabar esta adolescência

Paulo Leminski

mas é que tem dias em que a gente inventa de se investigar, de lembrar dos sonhos da adolescência, de questionar nossas escolhas, e descobre que muitas coisas deu certo, e outras não. Resolve pesar na balança o que foi privilegiado e o que foi descartado, e sente saudades do que descartou. Normal, normalíssimo. São aqueles momentos em que estamos nublados, um pouco mais sensíveis do que gostaríamos, constatando a passagem do tempo. Então a gente se pergunta: o que é que estou fazendo da minha vida?

Martha Medeiros

O meu fim evidente era atar as duas pontas da vida, e restaurar na velhice a adolescência. Pois, senhor, não consegui recompor o que foi nem o que fui. Em tudo, se o rosto é igual, a fisionomia é diferente. Se só me faltassem os outros, vá; um homem consola-se mais ou menos das pessoas que perde; mas falto eu mesmo, e esta lacuna é tudo.

Machado de Assis

A adolescência é o período da vida em que os jovens se recusam a acreditar que um dia virão a ser tão estúpidos como os pais.

Alex Gabriel Madrigal

Afeto, amor, compreensão - eis os alicerces da vida.
Escrevemos com amor o poema da adolescência.
Com a música do amor, orquestramos a grande canção da existência.

E tu, cético diante da ternura,
impermeável ao sentimento,
aprende esta verdade:
A vida é Amor, e nada mais!
(Rubáiyát)

Omar Khayyám

Deteve-se numa adolescência magnífica, cada vez mais impermeável aos formalismos, mais indiferente à malícia e à desconfiança, feliz num mundo próprio de realidades simples. Não percebia por que razão as mulheres complicavam a vida com corpetes e saiotes, de modo que coseu um balandrau de canhamaço que enfiava simplesmente pela cabeça e resolvia sem mais delongas o problema de se vestir, sem lhe tirar a impressão de estar nua, que era na sua maneira de ver as coisas, a única forma decente de estar em casa. Aborreceram-na tanto para que cortasse o cabelo e para que fizesse carrapitos com travessas e tranças com laços coloridos, que muito simplesmente rapou a cabeça e fez perucas para santos. O que era espantoso no seu instinto simplificador era que quanto mais se desembaraçava da moda em busca da comodidade, quanto mais passava por cima dos convencionalismos obedecendo à espontaneidade, mais perturbadora se tornava a sua beleza incrível e mais provocador o seu comportamento com os homens.

Gabriel García Márquez

Quando criança acreditava em Deus, na adolescencia em Karl marx. Hoje apenas na mega sena.

Lucas Bispo de Oliveira

Ana, Feliz Aniversário.

Aos poucos deixas tua adolescência
Já pensa em ser gente grande. Mas
Para tornar-se numa grande mulher
Nunca abandone tua serenidade
Tua prudência e tolerância
Pois o verdadeiro amor é a
Simplicidade do entendimento.

Talvez até agora em seus dias, deste o menor impulso,
O menor tropeço nos seus caminhos já percorridos,
Mas a caminhada é longa e com o passar dos tempos
As malas aumentam, cansam os ombros,
Ocupam teu espaço, fatigam teu suspiro.

Que não chore lágrima os seus olhos
Por ninguém que não tenha méritos ou
Que não entenda seus anseios.
O sábio merecerá teu sorriso,
O imprudente não merecerá tua lágrima nem
Tua paz nem tua beleza nem teus encantos.

Nos caminhos que pretende seguir
Haverá sempre muita dúvida,
Observe sempre ao redor onde pode estar às saídas.
Em muitos lugares que andar eu não estarei contigo,
Mas estarei te recebendo quando voltar,
Incondicionalmente filha, este é o amor de pai.

amaurivalim@hotmail.com

amauri valim

A adolescência é uma passagem para a maturidade, não a maturidade para quem tem apenas idade.

Antonio Francisco

Para que minha vida me bastasse, precisava dar seu lugar à literatura. Em minha adolescência e minha primeira juventude, minha vocação fora sincera mas vazia; limitava-me a declarar: "Quero ser uma escritora". Tratava-se agora de encontrar o que desejava escrever e ver em que medida o poderia fazer: tratava-se de escrever. Isso me tomou tempo. Eu jurara a mim mesma, outrora, terminar com vinte e dois anos a grande obra em que diria tudo; e tinha já trinta anos quando iniciei o meu primeiro romance publicado, A convidada. Na minha família e entre minhas amigas de infância, murmurava-se que eu não daria nada. Meu pai agastava-se: "Se tem alguma coisa dentro de si, que o ponha para fora". Eu não me impacientava. Tirar do nada e de si mesma um primeiro livro que, custe o que custar, fique em pé, era empresa, bem o sabia, exigente de numerosíssimas experiências, erros, trabalho e tempo, a não ser em virtude de um conjunto excepcional de circunstâncias favoráveis. Escrever é um ofício, dizia-me, que se aprende escrevendo. Assim mesmo dez anos é muito e durante esse período rabisquei muito papel. Não creio que minha inexperiência baste para explicar um malogro tão perseverante. Não era muito mais esperta quando iniciei A convidada. Cumpre admitir que encontrei então "um assunto" quando antes nada tinha a dizer? Mas há sempre o mundo em derredor; que significa esse nada? Em que circunstâncias, por que, como as coisas se revelam como devendo ser ditas?

A literatura aparece quando alguma coisa na vida se desregra; para escrever - bem o mostrou Blanchot no paradoxo de Aytré - a primeira condição está em que a realidade deixe de ser natural; somente então a gente é capaz de vê-la e de mostrá-la.

Simone de Beauvoir

A adolescencia é a melhor fase onde descobrimos as coisas que existe de especiais nesse universo imenso e repleto de coisas interessantes e valorosas.

Pasion

Na adolescência é normal trocar o vício de amar pelo o vício da bebida.

Carolina Bensino

Existem dois momentos marcantes na vida: na adolescência, quando achamos que a vida é uma droga. E na fase adulta, quando temos certeza.

Itarcio A. L.

A infância é a melhor fase da vida, mas é na adolescência que nos damos conta disso.

Tiane Fróes.

Na adolescência tudo parece o fim do mundo, mais é apenas o começo.

Desconhecido

Adolescência
A déc.de 90 inicia uma profunda mudança no Sistema Político Internacional, com o fim da Guerra Fria- colapso soviético, a redução Alfandegária, o fluxo de Capitais, reorganizando a Economia mundial tendo as Comunicações e a Computação em larga escala de Tudo a produção de produtos, mercadorias e serviços com tendências regionalizadas tendo incipientes Central América do Norte,Europa- Comunidade Europeia e Japão.
Na déc,de 90 também registra diferenças entre +ricos e+pobres associando a tríade de blocos econômicos, desigualdades e tecnologias.
Apertem os Cintos e ache a sua bagagem cultural, educacional, técnica. Um filho nascido na déc.80, na déc.90 tem 10 anos demanda Vagas escolas, saúde , alimentação nutricional da primeira infância, senão quanfo Ele fôr jogar Bola no Exterior aos 17 anos dificilmente ele terá sobrevidas pra combater chutes, quebra de braço, cachumbas,etc.e tal.
Adolescência e Crescimento populacional em países Emergentes e de África subsaariana, transformações climáticas e ecológicas, cuidados com a saúde sedentária mesmo com um certo aumento de expectativa de vida a Renda não tem crescido adequadamente.
A Globalização afeta o mundo de uma maneira geral, mas os Emergentes, as Corrupções, a Concorrência econômica, os Investimentos Externos - Confiança e Capital, PIB x Per Capita, Escola e Capacitação técnica educacional, expõe sobre maneira o Comércio internacional de Drogas a partir da déc.1990 Cocaína x Ópio e áreas metropolitanas.
Adolescência aos dezesseis anos fingi tranquilidade, senti conflito Pai - Mãe,teimosias,inocência afetuosa, ímpetos de resistência até pra Acordar cedo pra ir a Escola,sabedores Adultos que somos na Adolescência oito horas de SONO rende melhor assimilação de Tudo que lhe é informado, porque ainda criança pode não ocorrer que vá pra Cama às oito, oito e trinta do anoitecer de dentes e língua limpos.
Adolescência incendeia faces com rapidez, sonha ver a mãe descendo do céu, revesti de coragem numa suspeita, mente ao olhar um inquiridor -perdão mãe!estou mentindo -mesmo já sendo órfã de,vê chegar o mal e de ligeiro assombra, apaixona tresloucadamente pelo ambiente,sexo , desvencilha de Pai- Mãe nas cenas íntimas e apaga a luz, empalidece em casa como em pranto ruidoso que invade a PRIMEIRA INFÂNCIA.
Adolescência tem nascimento e riqueza de vã distinção, de conhecer a educação ESCOLA de quem vai, de lê romances e poesias vivencia, de trabalho braçal, de origem de negro, branco e amarelo.
Adolescência tem concepções de espírito popular. de influências estrangeiras de vestir, comida, música, pouco tencionando as ENTRANHAS do VENTRE recrutado de homem e mulher quanto ao Cigarro -Fumo, Álcool, Genética -Cromossomo.
Recentemente relendo Memórias de Um Sargento de Milícias ambientado no Rio de Janeiro de D.João VI, aquele menino endiabrado, abandonado pelos Pais aos 7anos e também pelo ESTADO- que configura o Chefe de Milícias.
Nascer de Parteira, de Cesárea, de Reprodução Assistida, de Empossado x Diplomação, da pisadela valente das Ciclovias, dos Moleques de ruas, das fofoqueiras via Mídias, está nos Nascer dos Filhos e na ineficiência do Estado Democrático de Autonomia Institucional que é o Executivo nas esferas de Governo.
Conhecer, organizar a Cultura das Comunidades, difundir FALAS - LÍNGUA, subir Morros, Colinas, Montanhas, Condomínios fechados é LEVAR GRAUS DOS AMBIENTES SÓCIOS CULTURAIS. REVERTER REALIDADES que configure "Declarações de Praxes"(Michel Temer),Discurso de Dilma Rousseff e a sua Ministra de Mulheres tagarelando enquanto a Chefe pronunciava(NBR-12/8/2015), e a "Cultura do estrupo"-Folha Universal, o Bikini branco em dose alucinógena, talvez estejamos com excesso de DOSES de Templos, de Abusos de pastores devassos e REGULAMENTAR DROGAS.
BRASIL AINDA PRECISA FAZER MUITAS LIÇÕES DE CASA,construir SALAS DE AULAS, BIBLIOTECAS EM COMUNIDADES MAIS SOFRIDAS,e remodelar a TELEVISÃO que até a década de 90 era pra ENTRETER E POUCO fez, mas em 2000 configura-se também EDUCAR.

BINDES adolescência