7 meses de Namoro

Cerca de 3037 frases e pensamentos: 7 meses de Namoro

...É uma clássica. Depois de anos de amor e intimidade, o casamento ou o namoro se desfaz. Os dois juram nunca mais se ver, odeiam-se por algumas semanas, até que um dia surge uma pendência para ser conversada, ou simplesmente resolvem tomar um drinque para provar ao mundo que a amizade prevaleceu, essas cenas aparentemente civilizadas que sempre trazem significados ocultos. Ou pior: encontram-se sem querer, de repente, num estacionamento no centro da cidade, num corredor de shopping, num quiosque do mercado público. Oi, você aqui? Que surpresa! E os dois beijinhos saem de uma forma tão desengonçada que seria motivo pra rir, não fosse de chorar. Eles não se possuem mais fisicamente. Interdição do corpo. Um dos troços mais sofridos de um final de relacionamento, que só se vai experimentar depois de um tempo afastados... Ele está ali na sua frente. Mas você não pode agarrar os seus cabelos, não pode passar a mão no seu peito, não pode rir de uma piada interna que só pertence aos dois, porque está oficializado que nada mais pertence aos dois. Ela está ali na sua frente. Mas você não pode mais dar uma beliscadinha na bunda, não pode mais beijá-la na boca, não pode mais dizer uma bobagem em seu ouvido, porque está oficializado que ela agora é apenas uma amiga, e não se toma esse tipo de liberdade com amigas. Depois de terem vivido, por anos, a proximidade mais libidinosa e abençoada que pode haver entre duas pessoas apaixonadas, vocês agora estão proibidos ao toque. Não se amam mais, é o que ficou decretado. Logo, os códigos de aproximação mudaram. Você dará dois beijinhos na mulher que tantas vezes viu nua, como se ela fosse uma prima. Você dará dois beijinhos no homem para quem tanto se expôs, como se ele fosse um colega de escritório... O corpo interditado. Você não pode mais tocá-lo, você não pode mais tocá-la. O definitivo sinal de que o fim não era uma ilusão: acabou mesmo.

Martha Medeiros

Eu ainda fico mal pra cacete quando estou sem um namorado. Ou melhor: fico mal sem cacete.

Tati Bernardi

E Macabéa, com medo de que o silêncio já significasse uma ruptura, disse ao recém-namorado:
- Eu gosto tanto de parafuso e prego, e o senhor?

Clarice Lispector

Se eu fosse uma princesa, teria um namorado pra ir ao shopping. Mas como sou a garota estranha, ele tenta ver meus peitos. E como eu sempre tive curiosidade em saber como era estar com um garoto realmente lindo e desejado, eu deixo. Mas se eu fosse uma princesa, ele estaria agora nervoso pra pegar na minha mão. Triste, triste, vou ficando tão triste. Por que não sou uma princesa?

Tati Bernardi

Se fosse fácil chamava engordar e não ex namorado.

Tati Bernardi

Quando sentir vontade de ter um namorado em um dia de frio assistindo um filme, lembre-se: O verão está chegando, as férias e o carnaval também. Então, agarre o seu travesseiro e faça planos pra estar livre, leve e solta!

Tati Bernardi

Já que sempre acabo comendo chocolate no Dia dos Namorados, alguém podia me dar um namorado na Páscoa.

Tati Bernardi

Num bom relacionamento, a proporção de poder entre o homem e a mulher deve ser um a um.

Elizabeth Hurley

Eterno Namorado

Meu bem, não quero te fazer sofrer
Não quero te fazer mal
Mas eu estou mudando e preciso
seguir sozinha...Não foi escolha minha
Não..Eu não estou te abandonando e nem fugindo
Eu só estou crescendo, é um força que vem de dentro
é mais forte que eu...
Eu te amei com todas as minhas força e eu ainda te amo...Acho que te amarei eternamente...
Hoje a chama que esta no meu peito não me esquenta como antigamente..Ela esta me queimando...
Guardei todos os abraços, beijos e cheiros só pra mim..
Guardarei os segredos, os medos só pra mim...Guardarei os sonhos, os planos pro futuro só pra mim...
Quero continuar do seu lado, pra sempre meu eterno namorado...Eu vou estar sempre to seu lado como: amiga, namorada, conhecida ou nada...Mas sempre estarei aqui...
Voce poderá sorrir do meu lado, chorar no meu ombro, se perder nos meus olhos e morrer nos meu lábios...
Pois te amarei eternamente
Mas não eu não quero transformar
esse amor em ódio
Deixa eu guardar o que de melhor aconteceu pra mim...

Paula Câmara Ferreira

Um dos maiores fermentos de um relacionamento é a admiração.
É desanimante atravessar os dias sem sentir orgulho da pessoa
que está vivendo ao nosso lado. É prioritário seguir para sempre
pensando que ele é um bilhete premiado. A cada observação
perspicaz que ele faz sobre um fato, a cada gesto de solidariedade
para com o irmão, a cada bola dentro que ele dá no trabalho,
é um alívio pensar: este é o cara que escolhi para estar comigo.
Um sujeito legal.

Crônica: Aos olhos dos outros - Livro: Montanha Russa

Martha Medeiros

Jurisprudência do Amor

Já parou pra pensar sobre a jurisdição do relacionamento?!? É puro processo.
Todo relacionamento traz embutido um processo de conhecimento, ao qual se segue o processo de execução.

A doutrina da mocidade, então, inventou as medidas cautelares e a tutela antecipada. Afinal de contas, com o "ficar", você já obtém aquilo que conseguiria com o relacionamento principal, e, além do mais, toma conhecimento de tudo o que possa acontecer no futuro, já estando precavido.

Esse processo de conhecimento pode, de cara, ser extinto sem julgamento de mérito, por carência de ação. Pior é o indeferimento da inicial por inépcia. E sem contar que na ausência do impulso oficial a coisa não vai pra frente. Havendo ilegitimidade de parte, o que normalmente se constata apenas na fase probatória; ou ainda, a impossibilidade do pedido, não tem quem agüente.

E quando é o caso, ainda mais freqüente, de falta de interesse....aí paciência!

Se ocorrer intervenção de terceiros, a coisa complica, pois amplia objetiva e subjetivamente o campo do relacionamento, transformando-o em questão prejudicial.

Pois, como se sabe, todo litisconsórcio ativo é facultativo, dependendo do grau de abertura e modernidade do relacionamento.

É necessário estar sempre procedendo ao saneamento da relação, para se manter a higidez das fases futuras.

É um procedimento especial, uma mescla entre processos civil e penal, podendo seguir o rito ordinário, sumário, ou, até mesmo, o sumaríssimo...dependendo da disposição de cada um.

A competência para dirimir conflitos é concorrente. E a regra é que se busque sempre a transação.

Com o passar do tempo, depois de produzidas todas as provas de amor, chega o momento das alegações finais... é o noivado! Este pode acontecer por simples requerimento ou então por usucapião. Alguns conseguem a prescrição nesta fase.

E na hora da sentença: "Eu vos declaro marido e mulher, até que a morte os separe". Em outras palavras, está condenado a pena de prisão perpétua.

São colocadas as algemas no dedo esquerdo de cada um, na presença de todas as testemunhas de acusação.

E, de acordo com as regras de direito das coisas, "o acessório segue o principal"... casou, ganha uma sogra de presente. E neste caso específico, ainda temos uma exceção, pois laços de afinidade não se desfazem com o fim do casamento.

Mas essa sentença faz apenas coisa julgada formal. É possível revê-la a qualquer tempo... mas se for consensual, tem que esperar um ano, apenas!

Talvez você consiga um "habeas corpus" e... novamente a liberdade.
Como disse alguém que não me lembro agora, "o casamento é a única prisão em que se ganha liberdade por mau comportamento".

Ah!!! Nesse caso você será condenado nas custas processuais e a uma pena restritiva de direitos: prestação pecuniária ou perdimento de bens e valores.

Arnaldo Jabor

Amor é quando você sabe tintim por tintim as razões que impedem o seu relacionamento de dar certo, é quando você tem certeza de que seriam muito infelizes juntos, é quando você não tem a menor esperança de um milagre acontecer, e essa sensatez toda não impede de fazê-lo chorar escondido quando ouve uma música careta que lembra os seus 14 anos, quando você acreditava em milagres.

Martha Medeiros

Amor é quando você sabe tintim por tintim as razões que impedem o seu relacionamento de dar certo,
é quando você tem certeza de que seriam muito infelizes juntos, é quando você não tem a menor esperança de um milagre acontecer, e essa sensatez toda não impede de fazê-lo chorar escondido quando ouve uma música careta que lembra os seus 14 anos, quando você acreditava em milagres. Tudo isso pode parecer uma grande dor, mas é uma grande dádiva, porque a existência do amor está toda hora sendo lembrada. Dor é quando a gente está numa relação tão fácil, tão automática, tão prática e funcional que a gente até esquece que também é amor.

Martha Medeiros

Quero compartilhar com vocês uma história que li e chorei antes de terminar de ler. E tenho certeza que vai te comover. E fará vc refletir de que forma vc tem tratado a pessoa que vc ama, seja mãe, pai, namorado, marido.. Um dia um namorado fez um desafio a sua namorada de passar um dia sem ele, sem qualquer tipo de comunicação e disse se ela fizesse isso ele amaria ela para sempre. A namorada ace...itou. Não ligou, nem mandou mensagem sem saber que o namorado tinha câncer e só lhe restava 24hs de vida. No dia seguinte ela foi a casa dele toda feliz por cumprir o desafio e lágrimas caíram do seu rosto quando o viu deitado com um bilhete dizendo: você conseguiu amor, agora vc consegue fazer isso todo dia? Te amo. PARE E REFLITA: muitas vezes não damos valor a pessoa que esta ao nosso lado, reclamamos das ligações, do ciúme besta, vivemos pedindo espaço, não temos tempo para estar com ela, sempre temos tempo para outras coisas mas nunca para quem precisa realmente. Mas pode ter certeza, essa pessoa não estará para sempre ao seu lado. De valor enquanto tem porque depois não adianta chorar.

O amor de namorado

Ex-namorado é que nem vestido:
você vê em foto antiga e não acredita que
teve coragem de um dia sair com aquilo.

Desconhecido

Trocar beijos não é promessa de namoro, namorar não é promessa de casamento e casamento não é promessa de amor eterno.

Relacionamento

Você ri do medo que eu tenho de você me pedir em namoro, sofre em silêncio quando eu falo que tenho medo de enjoar de você e tenta entender o motivo de eu ter tantos medos escondidos por trás da minha mania de demonstrar segurança.

Verônica H.

Eu sei quem és pra mim‏


Eu faço amizade por afinidade, eu namoro quando tenho intimidade e só me caso por amor e pela eternidade. Pra mim não há nada mais significativo na vida do que esses “tudos”.
Minhas intimidades não estão ligadas só ao sexo ou a nudez, porque estar dentro do peito de alguém e ter vivendo em seu pensamento outrem é estar conectado pelo afeto e pelos momentos divididos, juntos ou mesmo a distância.Há sempre algo me lembrando de ti com muita constância.
Temos um conhecimento tão profundo um do outro que eu saberia dizer como você responderia a muitas situações, porque sinto dentro de mim as mesmas sensações. Eu sei quem és pra mim assim, quando em momentos simples do cotidiano tu te tornas subitamente protagonista da minha vida, participando das cenas e tornando menos solitária a minha existência.Eu me reconheço em você.
Quando as leis da física nos permitem estar no mesmo lugar e convivendo no mesmo tempo, as conversas varam madrugadas, ou se as palavras nos faltam, olhar o horizonte na mesma direção já basta.Nossos olhos são diferences, mas temos o mesmo olhar.
Na impossibilidade do toque, posso perceber-te através do vento que entra pela janela e pelos sonhos que tenho contigo.Ser intimo de ti é penetrar em tuas barreiras, ir até o teu mais profundo e descobrir o que existe dentro do seu coração.Saber da tua luz e conhecer tua sombra.É muito mais do que derrubar os pudores, é uma alquimia de duas vidas que se encontraram e que se sabem.Muitas pessoas que não conhecemos muito bem parecem ser interessantes.Mas o melhor de se conhecer alguém é que quanto mais mergulhamos mais queremos estar afundados nelas.Ao contrário do curso comum dos relacionamentos, “Quanto mais te conheço e convivo com você, mas eu te amo”.

André Luis Aquino

Namoro

Pra você o que é namorar...?
Meu bem hoje quero saber se você
Está disposto a ouvir o que eu tenho a falar...
Então me diga...

Namorar é segurar na minha mão sem malicia
Ou pra você é tirar minha roupa?
Namorar não é só beijar minha boca
Ou você me beija só para me calar?
Responda-me

Dificuldades são muitas...
Não quero que prove o seu amor por mim
Pois sei que ainda não nasceu “amor” entre nós
Quero apenas ter certeza que você é o
Cara que um dia eu vou poder dizer te amo..
De novo
E de novo...
Te amo

Namorar é segurar na minha mão sem malicia
Ou pra você é tirar minha roupa?
Namorar não é só beijar minha boca
Ou você me beija só para me calar?
Responda-me

Quero saber se pra você namorar
É ser amigos ou apenas namorados?
Se você vai me segurar quando meu mundo cair
Ou se você vai ser o causador dessa destruição..?
Quero saber se quando eu pedir um tempo pra pensar
Você vai aceitar por gostar de mim
Ou se vai dar pulos de felicidades pra com “aquelas” puder zoar?


Namorar é segurar na minha mão sem malicia
Ou pra você é tirar minha roupa?
Namorar não é só beijar minha boca
Ou você me beija só para me calar?
Responda-me

Paula Câmara Ferreira

1. Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim. Como tudo na vida.
Detesto quando escuto aquela conversa:
'Ah, terminei o namoro...'
'Nossa, quanto tempo?'
'Cinco anos...Mas não deu certo...acabou'
'É não deu...'

Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou.
E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.

2. Hoje, no alto dos meus 33 anos e tiozão, não acredito muito nos 'opostos
se atraem'. Porque sempre uma parte vai ceder muito e se adaptar demais.
E sempre esta será a parte mais insatisfeita.
Acredito mais em quem tem interesses em comum.
Se você adora dançar forró, melhor namorar quem também gosta de forrosar, se você gosta da cultura italiana, melhor alguém que também goste.
Freqüentar lugares que você gosta ajuda a encontrar pessoas com interesses parecidos com os teus.
A extrovertida e o caretão anti-social é complicado, e depois, entra naquela
questão de um querer mudar o outro, ui...!
Pessoas mudam quando querem. E porque querem. E pronto. E demora...!

3. Cama é essencial!
Aliás pele é fundamental. E tem gente que é mais sexual, outras que são mais tranqüilas.
O garanhão insaciável e a donzela sensível, acho meio estranho.
Isto causa muitas frustrações, e dá-lhe livros de auto ajuda sobre sexo.
Assim como outras coisas, cada um tem um perfil sexual.
Cheiro, fantasias, beijo, manias, quanto mais sintonia, melhor.

4. Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.
Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro?
E não temos esta coisa completa.
As vezes ele é fiel, mas não é bom de cama.
As vezes ele é carinhoso , mas não é fiel.
As vezes ele é atencioso , mas não é trabalhador.
As vezes ele é malhado, mas não é sensível.
Nós não conseguimos ter tudo ao mesmo tempo.
Perceba qual o aspecto que é mais importante e invista nele.

5. Pele é um bicho traiçoeiro.
Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai/mamãe mais básico que é uma delícia. E as vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona...
Acho que o beijo é importante..., e se o beijo bate..., se joga. Senão bate..., mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta.

6. Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra.
O outro tem o direito de não te querer.
Não lute, não ligue, não dê pití.
Se a pessoa tá com dúvida, problema dela, cabe a você esperar ou não.
Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.
O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem dúvidas e medos. Mas se a
pessoa REALMENTE gostar, ela volta.
Nada de drama.
Que graça tem alguém do seu lado sob chantagem, gravidez, dinheiro, pressão de família?
O legal é alguém que está com você e por você.
E vice versa.
Não fique com alguém por dó também.
Ou por medo da solidão.
Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado.
E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu

pensamento.
Tem gente que pula de um romance para o outro.
Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?

7. Gostar dói.
Você muitas vezes vai ter raiva, ciúmes, ódio, frustração.
Faz parte. Você namora um outro ser ,um outro mundo e um outro universo.
E nem sempre as coisas saem como você quer...
A pior coisa é gente que tem medo de se envolver.
Se alguém vier com este papo, corra, afinal, você não é terapeuta.
Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.
Na vida e no amor, não temos garantias.
E nem todo sexo bom é para namorar.
Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar.
Nem todo beijo é para romancear.
Nem todo sexo bom é para descartar..., ou se apaixonar..., ou se culpar.
Enfim...quem disse que ser adulto é fácil?

Cristian Pior